collapse

* Posts Recentes

Bateria lipo para quadcopter/drone miniatura por josecarlos
[Hoje às 00:22]


Super obsolescência super programada? por SerraCabo
[23 de Junho de 2022, 23:03]


Inside the WILD Lab of CuriousMarc por dropes
[23 de Junho de 2022, 22:22]


Componente N121 ??? por SerraCabo
[19 de Junho de 2022, 21:26]


Curso de Yew.rs, similar ao React, Angular ou Vue mas em Rust. por blabla
[19 de Junho de 2022, 10:21]


ptrace() - Algo muito poderoso, sobre o qual vale a pena saber mais. por blabla
[19 de Junho de 2022, 09:50]


Rust - Community Grants Program Awards Announcement por blabla
[18 de Junho de 2022, 22:59]


"Façanhas" por SerraCabo
[14 de Junho de 2022, 15:42]


Why Rust makes you feel like a GENIUS? por blabla
[09 de Junho de 2022, 09:19]


Fast way to learn Rust if you know C or C++ por blabla
[08 de Junho de 2022, 16:10]

Autor Tópico: Inside the WILD Lab of CuriousMarc  (Lida 70 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.


Offline dropes

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 2.096
Re: Inside the WILD Lab of CuriousMarc
« Responder #1 em: 23 de Junho de 2022, 22:22 »
É interessante ver a complexidade dos circuitos, para desempenharem funções simples.
Uma certa nostalgia que não se encontra hoje, e tudo é descartável.

Ainda me custa acreditar que usaram estes monos para ir até ao espaço, ainda no tempo do ábaco para fazer cálculos, já que as calculadoras em 69 eram mais volumosas que um portátil de hoje.

Bem, o tempo não pára e Darwin estava bem certo disso