collapse

* Posts Recentes

protecção equipamentos por dio123
[Ontem às 11:26]


Mais uma reparação - frigorífico Fagor por jm_araujo
[21 de Janeiro de 2023, 10:08]


Desumidificador avariado por almamater
[20 de Janeiro de 2023, 23:20]


Câmara SPI para microcontroladores por SerraCabo
[17 de Janeiro de 2023, 16:18]


Symmetrical soft-start por dropes
[08 de Janeiro de 2023, 16:46]


Compressor sem óleo por senso
[07 de Janeiro de 2023, 19:41]


Filtro para ruido por filjoa
[06 de Janeiro de 2023, 17:58]


Gráfica e Monitor avariados.. por almamater
[04 de Janeiro de 2023, 23:12]


Bom ano novo por TigPT
[01 de Janeiro de 2023, 23:35]


+um LASER simples por dropes
[01 de Janeiro de 2023, 12:49]

Autor Tópico: Resistência paralela com bateria primária de Lítio.  (Lida 2315 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline jm_araujo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 2.889
  • NERD!
Resistência paralela com bateria primária de Lítio.
« em: 31 de Outubro de 2022, 14:58 »
Boas,
Alguém com experiência com circuitos com baterias de lítio primárias (não recarregáveis, Litio-Cloreto de Tionila)?

Um colega meu ficou sem bateria na Via-Verde, e como não quer alterar o contrato para os novos de aluguer (toda outra discussão), propôs-se a mudar a pilha, que apesar de ser engenheiro ainda consegue pegar num ferro de soldar :D (somos poucos).

Ajudei-o a encontrar uma pilha das mesmas dimensões e com patilhas para soldar na Castro-Eletrónica, e sugeri-lhe reaproveitar o conector e os fios para simplificar o trabalho.

A seguir surgiu-me com uma pergunta que não estava à espera: se tinha de manter a resistência que estava em paralelo com a bateria.

(na fotografia anterior estava dentro da manga térmica)
Fiquei sem resposta. Alguém tem uma explicação porque colocaram uma resistência em paralelo com a bateria? pelas contas consome (3.6V/360kOhm=10uA) , que para a capacidade de indicada de 1.6Ah sem outra carga consome a mesma em ~18 anos. Não parece muito, mas como a VV durou ~7 anos, quase metade da capacidade foi-se na resistência, e assim por alto sem a resistência estimo que deveria durar no mínimo uns 12 anos.

Mando este tópico para partilhar, ver se alguém tem uma justificação que me esteja a escapar para a resistência.
Sou muito cético quando falam de "obsolescência programada", mas este caso parece mesmo a sério!

« Última modificação: 31 de Outubro de 2022, 15:03 por jm_araujo »

Offline m90mine

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 262
Re: Resistência paralela com bateria primária de Lítio.
« Responder #1 em: 31 de Outubro de 2022, 15:08 »
encontrei um datasheet que me parece ser desse modelo e fala em

Lifetime
Battery Typically > 7 years under normal use
Transaction capacity ISO 14815 Class A2
MTBF 200.000 hours

https://norbit.com/media/PS-130002-6_Norbit_ITS_VTR850-B_Datasheet.pdf


Por isso 7 anos parece satisfatório.

Offline Njay

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 3.598
    • Tróniquices
Re: Resistência paralela com bateria primária de Lítio.
« Responder #2 em: 31 de Outubro de 2022, 16:10 »
Acho que li em algum lado que se ele perder a alimentação já não consegues voltar a usá-lo...

Offline fergas

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 158
Re: Resistência paralela com bateria primária de Lítio.
« Responder #3 em: 31 de Outubro de 2022, 21:56 »
Há uns meses aconteceu-me a mesma coisa com um igualzinho a esse, e também achei estranho a resistência.
Como já tinha lido essa de se ele ficar sem alimentação não dar mais e apesar da pilha estar quase a zero, soldei-lhe dois fios na junção da ficha à placa e liguei-os a uma fonte com os 3 volt. Depois troquei a pilha por uma bateria recarregável que ficou mesmo fora do aparelho agarrada com uma abraçadeira, e ainda está assim. Pode ser que um dia dê os 10  paus por uma nova...
Dá sempre verde, mas os tipos da via verde mesmo assim de vez em quando mandam email a mandar trocar o aparelho. Tá bem tá!

Offline almamater

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 1.865
    • GrcByte - Projectos
Re: Resistência paralela com bateria primária de Lítio.
« Responder #4 em: 01 de Novembro de 2022, 09:14 »
Não me admirava que tivessem colocado a resistência para acelerar a troca do identificador mais rapidamente. Ainda ando com o meu sem bateria, enquanto não mudar de carro irá passar sempre amarelo, que eles sabem bem o caminho para a conta bancária. 

Mas o meu é mais antigo, com bateria normal soldada, mas neste caso especificamente tive o problema de se ter desprogramado por remover por completo a bateria, na altura que o fiz não fazia a mínima ideia que poderia acontecer e pumbas, continuou a dar amarelo mesmo com a bat nova. Depois lá percebi porquê..

A cena dos contratos faz-me imensa confusão, fidelizarem as pessoas dessa forma, 5,75/ano ainda é dinheiro e não vejo explicação para isso a não ser terem a exclusividade no mercado..

Mas pior que cobrarem os 5€, é dizerem que os identificadores perdem a validade e têm que ser substituídos por estes 'novos' e em que assim já dá para impingir os novos "contratos".

Offline senso

  • Global Moderator
  • Mini Robot
  • *****
  • Mensagens: 9.733
  • Helpdesk do sitio
Re: Resistência paralela com bateria primária de Lítio.
« Responder #5 em: 06 de Novembro de 2022, 15:32 »
O melhor é o meu identificador que não me dá amarelos e a Via Verde anda-me a enviar emails a dizer que o identificador anda a funcionar mal...
Avr fanboy

Offline jm_araujo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 2.889
  • NERD!
Re: Resistência paralela com bateria primária de Lítio.
« Responder #6 em: 06 de Novembro de 2022, 18:49 »
Estão a ver se trocam os vitalícios por arrendados que lhes dão mais lucro ;)