collapse

* Posts Recentes

Identificador Via Verde por KammutierSpule
[Ontem às 14:33]


Visualizing memory layout of Rust's data types por blabla
[15 de Outubro de 2021, 14:01]


Ligação desconhecida por jm_araujo
[14 de Outubro de 2021, 00:35]


Electrónica em palpos de aranha por SerraCabo
[13 de Outubro de 2021, 15:46]


Pistola de Dessoldar por dropes
[08 de Outubro de 2021, 14:45]


KiCad stable release 5 por KammutierSpule
[06 de Outubro de 2021, 16:00]


Assemblagem de PCBs - JLCPCB por fergas
[06 de Outubro de 2021, 10:12]


Tarifas carta postal Correos.ES por jm_araujo
[05 de Outubro de 2021, 23:16]


Raspberry Pi Zero W para venda por StarRider
[04 de Outubro de 2021, 22:51]


Como obter o máximo de performance do vosso computador. por blabla
[03 de Outubro de 2021, 14:18]

Autor Tópico: TEK collection  (Lida 531 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline SerraCabo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 941
    • Serra Cabo
TEK collection
« em: 23 de Julho de 2021, 20:37 »
... e ele ainda quer mais!!



SC

Offline blabla

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 67
Re: TEK collection
« Responder #1 em: 24 de Julho de 2021, 16:36 »
Boa tarde,

Uma coleção de TEK’s de facto impressionante.
Nada é mais impressionante do que uma boa coleção de TEK’s antigos da década de 50, 60 e 70 em estado de correto funcionamento. Mas também nada é mais deprimente do que ver tantos osciloscópios que davam tanto jeito a tanta gente que gosta de eletrônica e que não tem um, a estarem completamente parados, a não serem usados.   

Mas acho que no panorama atual o que tenho mais pena é de continuar a não haver nenhum projeto como o Analog Discovery 2 mas que fosse 100% Open Hardware e com todo o software Open Source (mesmo que não fosse de 14 bit’s de resolução nos ADC’s e só fossem de 8 bit’s), pois se isso existisse todas as pessoas que gostam de eletrônica poderiam ter por baixo custo algo como 100 euros, um osciloscópio, um gerador de sinais, um spectrum analyzer, um vector analyzer, um multímetro, uma fonte de alimentação, um logical analyzer com protocol decoder, um pattern generator, SDR receptor e emissor, e Radar, numa caixa pequena ligada ao computador com GUI no PC e tudo isto programável e customizavel com scripts  em Python ou algo assim. Em vez dos atuais 400 dólares.

https://reference.digilentinc.com/test-and-measurement/analog-discovery-2/start?redirect=1

Este seria sem sombra de dúvida um projeto com muito impacto na comunidade.
Mas por mais incrível que pareça acho que não existe nenhum projeto desse gênero.

Imaginem se dos 16.000.000.000 de euros da bazuca da EU, 50.000 euros fosse para financiar um projeto Open Source destes :-D Poderiam-lhe chamar algo como  PAIO_EI - Portuguese All In One Electronic Instruments :-D  E mais uns pós com vista a financiar um curriculum com documentação aberta de eletrônica em que ensina-se eletrônica usando este device, tanto analógica, digital, microcontroladores, FPGA’s, RF, DSP, Comunicações, radares e sonares. Como antes era feito em parte com o device que indiquei em cima. Também poderia ser criado algum curriculum que ensinasse alguma física com este device.

O software poderia ser desenvolvidos em Rust com GUI's em eGUI para funcionar nativamente e com o código quase todo igual em Linux, Windows, Mac, Raspberry Pi e WASM no browser, sendo que os scripts de automação seriam por API em Python e em Rust caso fosse necessário alta performance na automação.

Um device que todas as pessoas que estudam eletrônica pudessem ter quer a nível de hobby, quer enquanto estudantes de liceu de área técnicas, quer estudantes de faculdade de eletrônica, de telecomunicações, de física, de aeroespacial ou de informatica, quer qualquer profissional pois já seria uma ferramenta com algum valor prático real, um multi instrumento, apesar de ser de entrada. 

E claramente, Portugal poderia exportar estes devices e os conteúdos educativos Open Source e Creative Commons para todo o mundo um pouco como a fundação do Raspberry Pi faz, mas da eletrônica. Electronics from Portugal to the World ! :-D Tal como acontecia antigamente com muito de eletrônica que era fabricado em Portugal.

Mas prontos, sou só eu a partilhar um pensamento.

Cumprimentos,
João

Offline jm_araujo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 2.783
  • NERD!
Re: TEK collection
« Responder #2 em: 24 de Julho de 2021, 18:08 »
Acho que estas a subestimar os custos do hardware e do desenvolvimento do correspondente software. Não é por ser Open source que um projeto sai barato:
https://fund.blender.org

E nem sempre é possível fazer tornar um projeto totalmente aberto, ver o caso dos Raspberry Pi. Toolchains para fpga, drivers de periféricos para micros ,etc, há 1001 entraves...

O Analog Discovery a preços de educação não sei se atinge o break even...
« Última modificação: 24 de Julho de 2021, 18:10 por jm_araujo »

Offline blabla

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 67
Re: TEK collection
« Responder #3 em: 24 de Julho de 2021, 18:33 »
Sim tens toda a razão que no desenvolvimento deste hardware não seria incrivelmente simples, mas no caso do Digilent se vires a página que eu indiquei ele tem o desenho de todo o hardware como design de referencia da marca do fabricante dos chips que ele usa e logo pode ser estudado e pode-se aprender com ele. Se o fizeres vais ver que até é um device muito simples em termos de hardware. Em termos de software aí sim tens um trabalho mais demorado, visto que a grande mais valia do Digilent está no software. Mas esse, desde que as pessoas se sentissem motivadas para tal, não faltariam programadores a querer ajudar gratuitamente no projeto, desde que o hardware estivesse disponível. Eu próprio imaginava-me a contribuir para um projeto desses na componente de software de Rust e a desenvolver as GUI’s. À medida o projeto do código fosse tendo algo para se mostrar mais pessoas iriam acreditar no projeto e como tal mais se juntariam ao projeto. O mesmo aconteceria na parte da criação de curriculums que usassem este device, nomeadamente se houvesse motivação para a participação de Professores e estudantes mais avançados. Volto a dizer o mesmo foi feito para o Digilent.

Arquitetura e esquema
https://reference.digilentinc.com/test-and-measurement/analog-discovery-2/reference-manual

Eu sei bem quais são as vantagens do Digilent pois tenho um device destes e tenho osciloscópio e gerador de sinais dito tradicional.

O facto do Digilent não ser software open source é que é o calcanhar de Aquiles dele, junto com o preço de 400 euros por uma simples placa de menos de 10cm x 10cm. Aqui o Open Hardware faria mudar tudo, pois baixaria muito os custos. Proporcionalmente um osciloscópio de entrada da Siglent ou da Rigol tem um custo de desenvolvimento muito superior pois não só tem requisitos mais elevados como tem uma BOM muito maior.

O Digilent tem um componente muito caro que é o ADC de 14 bit's mas esse poderia ser substituído por um de 8 bit's que já seria barato e seria na mesma muito útil.

Cumprimentos,
João Nuno Carvalho

Offline blabla

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 67
Re: TEK collection
« Responder #4 em: 24 de Julho de 2021, 20:12 »
Para a FPGA poderia-se usar qualquer coisa como a Latice iCE40HX4K-TQ144 que não só é econômica como tem todas as ferramentas de desenvolvimento em Open Source em Verilog.

Tens aqui um exemplo de um esquema open hardware de um projeto que a usa:
https://github.com/afonsus1997/Arktika-FPGA/blob/master/Hardware/schematics/Arktika-FPGA.pdf
4.34 E em quantidades de 100

O ADC de 130 MSPS poderia ser este Maxim Integrated MAX19507ETM+
11.47 E em quantidades de 100

e o DAC poderia-se usar algo como este Analog Devices AD9117BCPZN 14 bits 125 MS/s
13.59 E em quantidades de 100

A RAM de Buffer poderia ser usada a da FPGA, caso se quisesse mais, facilmente se adicionava uma SRAM rápida estática.

E isto penso que seriam os componentes mais caros, em principio tudo o resto seria mais econômico.

Apontar para um valor final de 100 E a 150 E parece-me ser perfeitamente acessível, depois se fosse feito em grande quantidades os valores ainda seriam muito mais econômico, basta ver o preço de um Raspberry Pi e o Hardware que ele tem.

Cumprimentos,
João

Offline SerraCabo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 941
    • Serra Cabo
Re: TEK collection
« Responder #5 em: 24 de Julho de 2021, 21:12 »
Posso estar enganado mas duvido que muita malta hoje tenha pachorra para usar um osciloscópio analógico, ainda por cima para sinais irregulares.

Quando comecei a trabalhar nos audiovisuais, o osciloscópio na berra era o Tek 465, mas só me 'deram' o 2215. Posteriormente trabalhei com outros, melhores, mas trabalhei pouco. O último (dessa época) tinha CRT e memória digital e media um batatal de coisas.

Imagem desse osciloscópio usado por mim em trabalho (anos 80).



Hoje tenho dois analógicos, um Kikusui e um Hung Chang, talvez dos anos 80.

SC
« Última modificação: 24 de Julho de 2021, 21:22 por SerraCabo »