LusoRobótica - Robótica em Português

Electrónica => Electrónica Geral => Tópico iniciado por: dio123 em 04 de Agosto de 2013, 15:48

Título: fonte alimentação 0-16v 0-2.5A
Enviado por: dio123 em 04 de Agosto de 2013, 15:48
Boa tarde,
Como prometido venho postar aqui o meu projecto de fonte de alimentação, que demorou  2 anos, porque foi feito aos bocadinhos, mas que no entanto funciona.

Em resumo a fonte usa um LM358 que compara a tensão na saída da fonte e trata de manter sempre a mesma tensão estável independentemente da corrente.  Assim como a corrente, compara com a saída de modo a manter sempre a mesma corrente, e se for necessário mais corrente do que esta limitado(por nós), acende um led.
Em caso de curto circuito o led da corrente acende.
O único componente que aquece é 2n3055, como é obvio, pois é por ele que passa toda a corrente, no meu caso alem do dissipador 15x15 que aguenta bem 2.5A acrescentei-lhe uma ventoinha que está sempre ligada a meio gas 8v, de modo a manter 2n3055 mais fresquinho.  A ventoinha esta ligada ao transformador pequeno independente do circuito da fonte.

Ora quanto ao leitor corrente e tensão cheguei a fazer um projecto com atmega 8 sem usar software arduino, ficou pronto na breadboard, mas acabei por não passar pcb, porque comprei no ebay uns módulos que le corrente e tensão e custa 4€ e são super pequenos.

Como é sabido não tenho grande conhecimentos de eletrónica, sou apenas um bom curioso, que vou aprendendo aqui no fórum e pelo Google fora, tento ajudar quando sei, e partilho aqui o que faço. Quem quiser fazer e melhorar, é partilhar.

Depois hei-de tirar umas fotos a fonte em si, no entanto uma saída 5v fixo faz muita falta e vou ter de acrescentar.

E prontos é isto,

Posso enviar a pasta completa do projecto a quem quiser.



 
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: samc em 04 de Agosto de 2013, 23:32
Achei o esquema indicado muito interessante, a parte de ter um potenciómetro com ajuste mais preciso.
Eu também estou interessado em reformar a minha fonte de alimentação de bancada que construí quando tinha uns 17 anos e utiliza este esquema (na altura não conhecia as vantagens do controle de corrente).

(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi42.tinypic.com%2F1zyadds.png&hash=8d642f63ecbe0943fe38cb30a15c7ae1)
Citar
Resistências
R1 1,8 K
R2 3,9 K
R3 8,2 K
R4 120 R
P1 potenciómetro linear de 4,7 K

Condensadores
C1 condensador de poliester de 100 nF
C2 - condensador eletrolítico de 10 pF 35 V
C3 condensador de poliester de 10 nF
C4 condensador eletrolítico de 470 uF 40 V
C5 condensador eletrolítico de 4700 uF 63 V

Semicondutores
D1 1N4004
D2 1N4004
IC1 regulador de tensão LM338K (encapsulamento TO3)
PR1 ponte de díodos de 200 V, 5 A

Diversos
FRF transformador de alimentação, primário de 220 V, secundário de 12 V-o-12 V / 2 A
SW1 duplo comutador de alavanca, contactos de 5 A
INT - Interruptor isolamento de 250 V

Caso consiga aproveitar alguns destes componentes (especificamente o LM338K) na fonte de alimentação nova seria óptimo.
Fico a aguardar sobre os conselhos do pessoal entendido no fórum.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Tech_JA em 05 de Agosto de 2013, 14:43
No entanto numa vista de olhos no google esta chamou-me atenção http://www.electronics-lab.com/projects/power/001/ (http://www.electronics-lab.com/projects/power/001/)
Eu fiz essa fonte há uns tempos atrás e, até agora, estou satisfeito com o projeto
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 05 de Agosto de 2013, 15:23
Antes de tudo precisas de pensar para que é que queres a fonte, quais as suas specs, de corrente, tensão, potência, precisão, estabilidade e funcionalidades (limitação de corrente? controlo a partir dum PC? etc). Só depois vale a pena procurar um circuito...
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 05 de Agosto de 2013, 21:26
O que precisava era de uma fonte:
Muito mais percisa, nesta é  difícil colocar tensão certa 5v fica 5.3v ou 4.7v, e preciso dar um movimento minúsculos  até acertar, e a tensão oscila um pouco.

Ter limitação de corrente, protecção anti curto circuito, voltimetro e amperimetro, são funcionalidades que quero por na nova fonte.
Neste momento a tensão maxima que tenho é de 21.7v e a corrente maxima não sei e nem tem nada a dizer qual é. Mas gostaria de saber.

Vai ser principalmente  para brincar com os atmegas, fazer pequenos projectos, coisas de iniciante.

E que nao tenha ruido, porque na fonte actual ao ligar o arduino o pinos analogicos atrofiavam-se todos.

desde já agradeço
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 05 de Agosto de 2013, 21:29
Isso do ajuste é por usares um potenciometro normal, compra um potenciometro de 10 voltas, problema resolvido, ou então adiciona outro pot normal, mas de forma a que seja um trim e não ajuste de toda a gama de voltagem.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 05 de Agosto de 2013, 22:21
A precisão com que consegues definir a tensão resolve-se facilmente como te indicou o senso, adicionando um 2º potenciómetro em série com o original, e de valor menor (experimenta vários para veres qual gostas mais).

Para estabilidade tens que usar um circuito regulador com uma tensão de referência (não um regulador da série 78xx ou o LM317).

Se vais trabalhar essencialmente com circuitos microcontrolados, ou seja, baixas tensões, não te aconselho uma fonte de 0..30V, a não ser que uses um esquema do género do que tem o circuito que deixou aí o samc, que tem um comutador 12V/24V (as fontes prós tb têm, mas fazem a comutação automáticamente com relés). Porquê? Imagina que tens um circuito de 5V e 1A, que é fácil se tiveres por exemplo um robozito com um microcontrolador e 2 servos standard. Para teres uma fonte de 0..30V a tensão que chega ao regulador da fonte tem que ser digamos uns 2V acima, digamos 32V. Agora, se a tua saída está regulada para 5V, isso quer dizer que o regulador na fonte está a dissipar (desperdiçar!) uns fantásticos 27W (32V - 5V) x 2A) para obteres apenas 5W  (5V x 1A). Isto na prática quer dizer que nem vais conseguir ter a fonte a funcionar neste regime em contínuo, o regulador aquece demais; um transístor a servir de regulador iria queimar a não ser que a fonte tivesse um sensor de temperatura e protecção ou um bruta dissipador e ventoínha, um LM317 não queima desta forma mas começa a fazer cortes na saída.
Portanto, eu recomendo ou uma fonte regulável até um valor baixo como 10V máximo, um esquema com comutação de bobinas de transformador como no esquema do samc, ou uma fonte com 2 transformadores se quiseres ter uma saída regulável até tensões mais altas e baixa corrente e uma tensão baixa com "alta" corrente.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 07 de Agosto de 2013, 21:49
Boa noite,

Como posso saber a corrente maxima que o transformador pode fornecer, nao tendo nada que o identifique nem se quer o  datasheet.

A unica coisa que tem é um autocolante diz: 39SI100.
 
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 07 de Agosto de 2013, 21:53
Pelo tamanho dá para fazer uma estimativa.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 11 de Agosto de 2013, 22:43
Boa noite,
O ideal para mim é  uma fonte com saida maxima 12v e 1.5A . Não preciso de mais.
Njay grande parte do circuitos que vi foi com o LM317 ou 78xx.
Depois vi alguns lm338 mas muito simples.

Um colega meu vai fazer esta, apesar de ser um esquema muito antigo de uma revista de  96, ele diz que é boa.
http://paja-trb.cz/konstrukce/zdroj/zdroj_schema.png  (http://paja-trb.cz/konstrukce/zdroj/zdroj_schema.png)

e gostei  muito do resultado final deste sitehttp://diyfan.blogspot.pt/2013/03/adjustable-lab-power-supply-take-two.html#more (http://diyfan.blogspot.pt/2013/03/adjustable-lab-power-supply-take-two.html#more)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: samc em 13 de Agosto de 2013, 12:04
Esta (imagem) é a tal fonte que construí há uns anos com o esquema acima. Agora vejo que é limitada para uma aplicação mais avançada.

Para mim uma fonte ideal de bancada deveria ter as seguintes características:
- 0-30 VDC (valores próximos dos 0 V são difíceis de regular, mas pode dar jeito os 0,5 V, assim como os 24 V dão jeito nalgumas aplicações)
- 3 A (no mínimo dos mínimos)
- Proteção contra curto circuíto, aquecimento, etc.
- Controle de corrente
- Dois canais de alimentação (são úteis para alimentar um microcontrolador a 5V e outros componentes a 12 V).
- Boa estabilidade e baixo ruído

A ligação ao PC parece-me algo que não iria utilizar...

Será que financeiramente compensa construir algo do género? Tendo em vista que alguns dos componentes mais caros como o transformador, potenciómetros, condensadores e os dissipadores dos integrados ficariam a custo zero (teria de comprar os reguladores caso o LM338K não servisse).
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: jorge_rc em 13 de Agosto de 2013, 12:28
Vou meter-me neste assunto pois tambem ando a pensar em algo do género...

Para a generalidade da utilização que lhe darei, acho muito importante ter 2 canais, um deles de "potência", do tipo 5v-25v e uns 4/5A e outro de 0v-25v com 1A ou algo deste género.

A minha ideia é tambem mais cedo ou mais tarde construir algo do género, mas ainda tenho alguns pontos por decidir, entre eles limite de corrente. Qual a principal utilização?

Cumps
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 13 de Agosto de 2013, 12:52
já vi alguns esquemas, mas pelo o que vi no vblog a fonte 0-30v 3A tem problemas.

As outras 2 do site diyfan nao encontrei info  se fuinciona bem ou nao

Depois a net esta sempre a cair não consigo procurar em condições.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: samc em 13 de Agosto de 2013, 14:05
A minha ideia é tambem mais cedo ou mais tarde construir algo do género, mas ainda tenho alguns pontos por decidir, entre eles limite de corrente. Qual a principal utilização?

O limite de corrente é bastante útil para circuitos que exigem corrente constante (CC), como por exemplo: alimentar alguns LEDs de alto brilho; etc.

No eevblog existe uma fonte que foi desenvolvida ao longo de um tutorial, mas acho-a demasiado complexa e pouco potente para as minhas necessidades. O esquema de uma das revisões está aqui: http://eevblog.com/uploads/uSupplyBenchRevB.pdf (http://eevblog.com/uploads/uSupplyBenchRevB.pdf)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 13 de Agosto de 2013, 14:48
Não queimares tudo por causa de um curto circuito por exemplo.

Esquece essa fonte o LT3080 tem um monte de defeitos, queima por mil e uma razões, entre elas teres mais de 10v de diferença entre o out e o set, ou seja passas a vida a queimar chips, é muito fragil, oscila, etc..
Tenho uma pcb inspirada nesse esquema e já queimei dois lt3080.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 13 de Agosto de 2013, 16:12
Só mais umas ideias: http://tuxgraphics.org/electronics/201005/bench-power-supply-v3.shtml (http://tuxgraphics.org/electronics/201005/bench-power-supply-v3.shtml)

Eu para mim gostava de ter uma fonte controlada por PC capaz de dar 10A e 60V. A verdade é que conforme a aplicação não é necessário a fonte ter todas as características "boas" ao mesmo tempo, e portanto "uma multifonte" deve ficar mais barato e fácil de construir. Para dar uma ideia dos meus requisitos:

- linear (baixo ruído) regulável de baixa tensão, aí 0..12V e 3-5A, limite de corrente com passo de 10-25mA, para micros e pequenos sistemas de baixa tensão, teste de alguns componentes
- linear (baixo ruído) regulável de "alta" tensão, 0..60V e 1-2A, limite de corrente com passo de 1mA, para teste de componentes e resposta de circuitos
- comutada regulável de "alta" tensão, 9..60V e 10A, limite de corrente em passos de 0.5-1A, para teste de controlo de potência (controladores, motores, baterias, ...)
- poder ter em simultaneo a 1ª fonte com a 2ª ou com a 3ª
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 15 de Agosto de 2013, 22:54
Boa noite,
vi um esquema de uma fonte alimentaçao so que tenho duvidas nos valores resistencias porque nenhuma e superior a 1k. Nos potenciometros de ajuste o valor e 103, mas nao deve ser 103 ohms porque todas as fontes que vi era 10k. Um led ligado vin do transformador 12v nao leva 1 resistencia 217ohms.  Sera codigo tipo condensadores?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 15 de Agosto de 2013, 22:55
http://www.hobby-hour.com/electronics/smdcalc.php (http://www.hobby-hour.com/electronics/smdcalc.php)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Hugu em 16 de Agosto de 2013, 00:42
Boa noite,
vi um esquema de uma fonte alimentaçao so que tenho duvidas nos valores resistencias porque nenhuma e superior a 1k. Nos potenciometros de ajuste o valor e 103, mas nao deve ser 103 ohms porque todas as fontes que vi era 10k. Um led ligado vin do transformador 12v nao leva 1 resistencia 217ohms.  Sera codigo tipo condensadores?
103 = 10K :P
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 16 de Agosto de 2013, 14:57
agradeço pela ajuda.

Neste circuito, o que é K1A, está com o diodo 1n5402 no regulador 7812?
Será  um relé?
http://www.circuitspecialists.com/pdf/1802X_schematic.pdf (http://www.circuitspecialists.com/pdf/1802X_schematic.pdf)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Tech_JA em 17 de Agosto de 2013, 07:07
É um relé. Tens por cima da ponte rectificadora a comutação do relé (K1B)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 18 de Agosto de 2013, 00:55
e o que me dizem da fonte, se é boa ou nao, se vale apena ou nao?
 
http://www.web-tronics.com/bench-power-supply-csi1802x.html (http://www.web-tronics.com/bench-power-supply-csi1802x.html)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 18 de Agosto de 2013, 01:15
Por esse preço se calhar ainda vale a pena comprar cá:

http://www.mauser.pt/catalog/product_info.php?cPath=23_321&products_id=61553 (http://www.mauser.pt/catalog/product_info.php?cPath=23_321&products_id=61553)

Não é bem a mesma, esta é de 15V, mas acho que de 15V para 18V não ganhas nada... ganhas a 15V quando estiveres a puchar corrente alta com tensão baixa.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 18 de Agosto de 2013, 16:42
Nao vou comprar porque tenho todas as peças em casa e placas de cobre. Estava a procura  fontes de 12v e apareceu-me essa de 18v, que  agradou. So queria saber se vale apena
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: samc em 18 de Agosto de 2013, 19:44
e o que me dizem da fonte, se é boa ou nao, se vale apena ou nao?
 
http://www.web-tronics.com/bench-power-supply-csi1802x.html (http://www.web-tronics.com/bench-power-supply-csi1802x.html)
Depende do uso que cada um necessita, mas para uma utilização "normal" 2A pode ser limitativo.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 18 de Agosto de 2013, 19:47
Tambem não podes querer uma fonte tudo em um linear, se não depois precisas de um dissipador gigante.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: samc em 18 de Agosto de 2013, 23:51
Pois mas 2 A para mim é mesmo muito limitado, tenho uma fonte de 5 A e o dissipador não é nada de extraordinário. Para mim 5 A é o ideal.

Já agora fiquei curioso sobre a fonte que um "heavy user" como o senso utiliza no dia-a-dia.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 19 de Agosto de 2013, 00:01
Antes era uma fonte ATX com headers, agora tenho um HP6632B, mas eu não sou heavy user, só brinco com micros e leds, nada de potência.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 19 de Agosto de 2013, 11:57
samac aqui tens um esquema 30v 5A http://www.circuitspecialists.com/pdf/3005X_schematic.pdf (http://www.circuitspecialists.com/pdf/3005X_schematic.pdf)

Eu por enquanto é para brincar com atmegas e alguns circuitos interessantes que vão aparecendo.
Outra duvida
Os connectores CN2 liga ao CN4?

http://www.circuitspecialists.com/pdf/1802X_schematic.pdf (http://www.circuitspecialists.com/pdf/1802X_schematic.pdf)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 28 de Agosto de 2013, 14:58
Boa tarde,

Encontrei pelo google algumas fontes de alimentação que usam atmega como medidor de voltagem e amperagem, e como ja vi para ai umas 4, pergunto se realmente fica uma coisa +/- fiavel?

Se fosse fiavel tirava o meu voltimetro analogico e assim a fonte fica mais baixinha.

agradeço
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 02 de Setembro de 2013, 00:28
Boa noite,
perciso de mandar fazer um transformador no entanto gostaria de saber de outras lojas que o façam para poder comparar preços.

A unica que conheço e nem sei se fazem há medida,é a que a servilec porque já mandei refazer transformadores.

o transformador é para a fonte que está no 5ºpost. 

agradeço
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 02 de Setembro de 2013, 01:01
Queres nacional, ou internacional?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 02 de Setembro de 2013, 10:36
bom dia. Se o nacional tiver preços em conta, e a diferenca nao for muita, se nao prefiro o internacional.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 11 de Setembro de 2013, 17:25
Deram a um colega meu uma fonte alimentação muito antiga, mas tem o transformador queimado e um iC.  Na tentativa de por a funcionar emprestei o  meu transformador, mas só tem 20v e gnd e a fonte tinha um de 20v gnd -20v. 
Uma vista de olhos na net e vi que ne555 e outros esquemas dá para inverter a voltagem.

A minha pergunta é se inverter a voltagem, dá para trabalhar com a fonte?.

Só quando começar as aulas , é que ele vai ver se consegue mandar reparar o transformador.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 11 de Setembro de 2013, 17:41
Não, porque se é de voltagem simétrica de certeza que não usa só meia duzia de mA..
Um transformador como descreves, dependendo da amperagem/VA, minimo custa uns 10€, isto se for ai de 500mA, 2-3A conta ai com 30-40€.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: samc em 11 de Setembro de 2013, 19:46
Conheço um senhor amigo que costuma bobinar transformadores e faz alguns serviços para alguns técnicos de TV na zona de Leiria. Se quiseres posso arranjar-te o contacto ou pedir-lhe um orçamento (basta dizeres-me os detalhes do transformador).
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 17 de Setembro de 2013, 11:39
Obrigado samc, ele conseguiu arranjar um transformador. 

O transformador para a fonte 1802x fica 39,50+portes. Não compensa fazer.

No entanto ja andei a bater o google a fundo e nao encontro uma fonte 0-15v como deve de ser.

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 17 de Setembro de 2013, 14:13
Mas para comprar, ou para fazeres?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 17 de Setembro de 2013, 14:55
para fazer uma fonte de alimentação.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 13 de Outubro de 2013, 00:42
fonte em anexo.

Deram-me este circuito de uma fonte de alimentação feita por um user de fórum que funciona.

Irei acrescentar uma ventoinha e voltímetro e amperimetro feito com atmega. O protótipo está feito.
Material também há excepto 2n5885. Irá ser só ter 1 Output em vez de 2output.

No entanto queria saber a vossa opinião sobre a fonte?

obrigado
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 13 de Outubro de 2013, 01:14
Um pouco confuso o esquema, à 1ª vista vejo uma coisa mal, os condensadores de 5000uF à saída.
Ao regular a tensão vai demora um pouco a estabilizar mas o maior problema é que independentemente do ajuste de corrente, estes condensadores podem fazer estragos antes do limite ajustado funcionar.
Por isso é que muitos esquemas de fontes colocam valores baixos à saída, só os 47uF já chegavam.

Também prefiro um potenciómetro multivolta mas isso são gostos.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 19 de Dezembro de 2013, 19:39
Boa noite,

Gostaria de saber qual é a função da resistencia de 0.25R 1% 3W na fonte de alimentação?

É que encomendei os restantes componentes, mas  não há essa resistencia.

Circuito neste post: http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg75787#msg75787. (http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg75787#msg75787.)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 19 de Dezembro de 2013, 19:56
Pelo valor é para medir a corrente, podes sempre comprar 4 de 1ohm e 1w e ligar em paralelo.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 01 de Janeiro de 2014, 17:34
Boa tarde,

Estou aqui a desenhar a pcb, e assim por alto, fiz a pcb toda com as pistas de grossura 1.6764mm .
No entanto vou engrossar as pistas onde passa maior parte da tensão e corrente para 2mm.

A minha pergunta é se 2mm são suficientes para aguentar 16v 2.5A?

Experimentei uma calculadora que sacei em ecxel e diz que 20v 3A recomenda uma grossura de 2mm, mas queria confirmar se é ou não suficiente.

Continuação de umas boas entradas.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Hugu em 01 de Janeiro de 2014, 17:56
o meu app do tlm diz que 1.1mm é suficiente pra 2.5A e 50mm de comprimento..
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: beirao em 04 de Janeiro de 2014, 23:19
Ora bem, estou a precisar de uma fonte para ter aqui por casa e queria umas dicas vossas!

Como foi dito, tudo depende das aplicações para que queiramos a fonte, no meu caso:

- Duas saídas
- Tensão de saída: até 30 V
- Corrente de saída: até 4/5 A
- Voltímetro e amperímetro digital
- Protecção contra curto-circuito
- Limitação de corrente (extra, era óptimo)

Pessoal que tenha feito alguma, que aconselham? Ou aconselham a comprar?

Obrigado!
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 04 de Janeiro de 2014, 23:41
Se tens possibilidades de comprar, é o melhor, o que sai mais caro na construção de uma é o transformador, de resto é mais o tempo que se perde a desenhar, simular, construir, testar, calibrar, bugs, etc...

A limitação de corrente é essencial e não um extra.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: beirao em 04 de Janeiro de 2014, 23:52
E que dizes de comprar uma fonte, por exemplo de 24V ou 48V, e depois usar um ou mais DC/DC a jusante? A Mean Well tem umas engraçadas
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 05 de Janeiro de 2014, 16:16
Conversores DC/DC só servem para introduzir ruído ao circuito, além de teres o mesmo trabalho com o circuito de controle, tensão e corrente.
Não há nada melhor que um transformador toroidal ou normal por um preço menor.
A partir de 150€ creio que já se encontram fontes com essas características.
Mas se te sentires à vontade para elaborar um nada te impede, afinal existe muita informação na net para fontes de laboratório  :)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 05 de Janeiro de 2014, 16:18
2 saidas 5A 30v isso já não é propriamente barato.
Um vista rapida no ebay chineses. http://www.ebay.com/itm/RXN305D-Dual-Channel-DC-Variable-Power-Supply-30V-5A-/390295955181?pt=LH_DefaultDomain_0&hash=item5adf73a6ed. (http://www.ebay.com/itm/RXN305D-Dual-Channel-DC-Variable-Power-Supply-30V-5A-/390295955181?pt=LH_DefaultDomain_0&hash=item5adf73a6ed.)

Se tiveres o transformador e facil acesso a material se calhar compensa fazer.

Acabei fazer a primeira parte da fonte e posso dizer funciona bem.  Ainda falta  arranjar 2n5885. Tou neste momento com 2n3055.
O condensador 5000uF  removi porque a voltagem nao caia logo. Um pouco grande como foi referido.  Deixei ficar o de  47uF.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 05 de Janeiro de 2014, 16:22
lol quando li duas saídas pensei que fossem simétricas e não duas alimentações separadas
aí o preço duplica

pensando bem, não é muito usual usar duas fontes em simultâneo, mas prontos há circuitos que o requerem e isso é tratado com reguladores

http://www.ebay.com/itm/Precision-Variable-Adjustable-30V-5A-DC-Power-Supply-Digital-Regulated-Lab-Grade/280901249540?rt=nc&_trksid=p2047675.m1851&_trkparms=aid%3D222002%26algo%3DSIC.FIT%26ao%3D1%26asc%3D261%26meid%3D3905534608514875374%26pid%3D100005%26prg%3D1088%26rk%3D2%26rkt%3D5%26sd%3D390295955181%26 (http://www.ebay.com/itm/Precision-Variable-Adjustable-30V-5A-DC-Power-Supply-Digital-Regulated-Lab-Grade/280901249540?rt=nc&_trksid=p2047675.m1851&_trkparms=aid%3D222002%26algo%3DSIC.FIT%26ao%3D1%26asc%3D261%26meid%3D3905534608514875374%26pid%3D100005%26prg%3D1088%26rk%3D2%26rkt%3D5%26sd%3D390295955181%26)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: beirao em 05 de Janeiro de 2014, 16:45
Pois, o preço não é barato não ;)

Secalhar pego numa fonte ATX e dos +12V tiro +5V com reguladores lineares/comutados com limitação de corrente, tendo assim segurança quando utilizo em circuitos mais "sensíveis"...
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: beirao em 05 de Janeiro de 2014, 22:29
Já alguém utilizou o circuito da Figura 21?
http://www.onsemi.com/pub_link/Collateral/LM350-D.PDF (http://www.onsemi.com/pub_link/Collateral/LM350-D.PDF)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 05 de Janeiro de 2014, 22:39
Até o 317 dá para fazer isso.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: beirao em 05 de Janeiro de 2014, 22:53
Até o 317 dá para fazer isso.

Ninguém disse que não ;) Aliás, a simular até meti o 317
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 05 de Janeiro de 2014, 23:29
Ate a pouco tempo achava que ter uma fonte com 2 saidas era desnecessario.   Hoje penso o contrario e tou a fazer a fonte com 2 saidas independentes.   
As fontes atx em relaçao a ruido sao melhor  ou pior do que o tradicional transformador e lm78xx.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 06 de Janeiro de 2014, 00:48
Atenção às descrições das fichas técnicas.
Quando refere 33V 3A, não quer dizer que suporta uma saída de 0 a 33V com 3A

No caso do LM350:
Vi-Vo < 10V corrente = 3A
Vi-Vo = 30V corrente = 0.25A

O LM338(TO3) também diz suportar 5A, mas se a diferença entre a entrada e saída for de 30V só suporta 1A
isto é limitado interiormente sem queimar nada

O que se pode fazer é usar um LM317 com transístor drive emparelhado, está na ficha técnica da ON o circuito de controle corrente / tensão, mas sem os transistors.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: beirao em 06 de Janeiro de 2014, 17:03
Atenção às descrições das fichas técnicas.
Quando refere 33V 3A, não quer dizer que suporta uma saída de 0 a 33V com 3A

No caso do LM350:
Vi-Vo < 10V corrente = 3A
Vi-Vo = 30V corrente = 0.25A

O LM338(TO3) também diz suportar 5A, mas se a diferença entre a entrada e saída for de 30V só suporta 1A
isto é limitado interiormente sem queimar nada

O que se pode fazer é usar um LM317 com transístor drive emparelhado, está na ficha técnica da ON o circuito de controle corrente / tensão, mas sem os transistors.

Sim sim ;)

tas a falar de que esquema na ficha técnica da onsemi?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 06 de Janeiro de 2014, 19:35
(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg811.imageshack.us%2Fimg811%2F5276%2Fe7d8.png&hash=0e64716b4738f90a909f406db39719b9)
http://lusorobotica.com/index.php?topic=6526.msg72985#msg72985 (http://lusorobotica.com/index.php?topic=6526.msg72985#msg72985)
(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fimg843.imageshack.us%2Fimg843%2F8936%2Fsqpw.jpg&hash=578be69841f49f018881331106bd12ee)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: beirao em 06 de Janeiro de 2014, 21:18
Obrigado! ;) Vou ver!
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 07 de Janeiro de 2014, 22:13
Boa noite,
Estou aqui com uma dificuldade em fazer com que o arduino leia a corrente da fonte da alimentação.
Tenho 2 resistencias em paralelo de 0.47R.

A corrente varia até 1,1v que corresponde a 2,79amperes. No entanto tenho de por  um amplificador para 5v, e para ser mais facil de ler.

Usei o LM358, mas nao consegui obter os resultados desejados. O que estarei a fazer mal?

http://cl.ly/image/2h0U300V3D3D/o (http://cl.ly/image/2h0U300V3D3D/o)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 08 de Janeiro de 2014, 00:20
Pelo esquema tens um ganho de 3x a R1 devia ser igual à R2 para um ganho de 2x.
Simulando com o osciloscópio e onda sinudoisal, ela aparece recordada em cima e em baixo.
Se a resistência R1 for igual à R2 isso já não acontece mas continua a ficar recortada em baixo e não sei como resolver isso de momento... a não ser colocar um offset de 200mV ao sinal de entrada.

http://physika.info/physika/javascript/ampop1.htm (http://physika.info/physika/javascript/ampop1.htm)

A referência interna do atmega8 é de 2.56V a 10bits, não é assim tão má.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: jm_araujo em 08 de Janeiro de 2014, 10:18
Repararam que na datasheet diz que o Voltage Range(tensão de saída) só vai desde 0V até V+-1.5V=5V-1.5=3.5V
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 09 de Janeiro de 2014, 12:39
Um transformador diz:  Tensão  secundário: 17VAC
Isto depois passar pelo os diodos e condensadores, filtros,  terei uma voltagem final de aprox:23v dc.
Certo?

No fim de semana vou focar-me melhor no medidor amperagem.

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: jm_araujo em 09 de Janeiro de 2014, 13:16
Em vazio:

Vpico= Vrms*sqrt(2)
Vpico=17*1.414= 24V
Se for um rectificador de onde completa, tens queda de 2 diodos = 2*0,7V=1.4V

24V-1.4V = 22.6V à saída do rectificador.

Com os condensadores à saída, podes ver os 22.6V DC à saída SEM CARGA.

Mas quando consumires alguma corrente, só os picos não são suficientes para alimentar a carga,  e a tensão baixa.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 09 de Janeiro de 2014, 16:10
Estou aqui com uma dificuldade em fazer com que o arduino leia a corrente da fonte da alimentação.
Tenho 2 resistencias em paralelo de 0.47R.

A corrente varia até 1,1v que corresponde a 2,79amperes.
A corrente não varia até 1.1V, corrente mede-se em A e não em V ;) . É importante chamar às coisas o nome correcto, para nos entendermos todos, porque se eu disser "2" e estiver a pensar em maçãs e tu em batatas não ficamos nem com um pomar nem com um batatal :) .

A corrente varia de 0A a 2.79A resultando numa queda de tensão nas resistências de medida de 0V a 1.1V. Na verdade não é verdade, porque 2 resistências de 0.47 Ohm em paralelo dá 0.235 Ohm e 2.79A a passar por estas resistências dá 0.235 * 2.79 ~ 0.656V.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 13 de Janeiro de 2014, 23:41
Penso que vou tirar uma resistencia e ficar só com 0.47R       0,47*2.79= 1,3 volts.

No entanto vou fazer uma pergunta offtopic.

Comprei um  kit(mica + bucha+parafuso)  para por 2n3055 no dissipador.
No entanto fiquei na duvida se posso usar a pasta termica do pc, ou tem de ser alguma especial.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Hugu em 13 de Janeiro de 2014, 23:46
Penso que vou tirar uma resistencia e ficar só com 0.47R       0,47*2.79= 1,3 volts.

No entanto vou fazer uma pergunta offtopic.

Comprei um  kit(mica + bucha+parafuso)  para por 2n3055 no dissipador.
No entanto fiquei na duvida se posso usar a pasta termica do pc, ou tem de ser alguma especial.
ha varios tipos de massas termicas, mm pros pcs...ha as de silicone e a outras, pra baixas, medias e altas temperaturas, ha de 50centimos ou de varios euros as seringas!

nos integrados ha kem simplesmente encosta aos dissipadores apertando bem o parafuso ou mola, ha quem meta massa ou entao umas micas (tenho algumas que posso arranjar).

Existem tb uns cenas autocolantes que se metem em memorias ou integrados que depois levam pequenos dissipadores ...

Se queres garantir boa dissipaçao, aumenta o dissipador com abas grandes ou força ventilaçao sobre o dissipador com ventoinha.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 13 de Janeiro de 2014, 23:50
Claro que a pasta térmica para os processadores devem ser bem superiores na transferência de calor, se bem que a branca serve para a maior parte dos casos em electrónica, pelo menos até agora nunca vi de outra aplicada em dissipadores nas televisões ou equipamento de áudio.
Se puderes poupar na pasta melhor.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Alfredo Garcia em 13 de Janeiro de 2014, 23:55
A mica é utilizada para isolar eletricamente o componente do dissipador quando este está em contacto com as ligações do circuito, ou em perigo de acontecer.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 21 de Janeiro de 2014, 19:33
Boa tarde,
Estou aqui a tentar fazer o amperímetro com o arduino, mas está alguma coisa a falhar.

Estou alimentar o circuito de um transformador.
No LOAD tenho ligado arduino + lâmpada
No V+ o multimetro mede 31mv e  é +/-0.21A
No Shunt a resistencia 0,47R

O arduino com atmega8 Referencia externa 2.5v (lm336 2.5v) a porta analógica não mede nada. Aparece sempre 0.
Alguma ideia do que pode estar mal?
Peguei  no exemplo. imagem (https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.ni.com%2Fcms%2Fimages%2Fdevzone%2Ftut%2Fwnrkpgmn21897.jpg&hash=8e91619ef78bc77ea9f5157e0d7b4a4c)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 21 de Janeiro de 2014, 19:49
O GND do arduino não tá no GND (V-) mas sim nos 31mV (V+)... portanto lê sempre zero. Não podes ter o arduino como carga no próprio circuito a ser medido, pelo menos não nesse esquema de shunt no GND.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: samc em 30 de Janeiro de 2014, 13:39
Um post e logo a falar do site... acho que não há necessidade de tanto. Essa loja até está bem publicitada no fórum...
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 30 de Janeiro de 2014, 14:00
Boas malta! Achei aqui um site que tem bastante material que têm falado nesta thread.
www.clickplus.pt (http://www.clickplus.pt)
Já mandei vir de lá umas coisitas e foi super rápido!
Deves encontrar muitos TÓPICOS neste fórum a falar de COMPONENTES, aparece cada espertinho (anónimo)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: MAntunes em 04 de Fevereiro de 2014, 19:21
Boas pessoal!
Como sou novo nestas coisas da eletrónica e robótica decidi que o meu primeiro projeto será uma fonte de alimentação regulável: primeiro por ser um bom projeto para iniciantes e segundo para poder alimentar os meus projetos seguintes!
Pus logo de parte converter uma fonte ATX, por isso pensei em construir uma fonte linear, com por exemplo um LM317, andei à procura de esquemas e não me pareceu nada muito difícil de concretizar, como os apresentados no inicio deste tópico (esta pareceu-me interessante: http://www.electronics-lab.com/projects/power/001/ (http://www.electronics-lab.com/projects/power/001/)).
Mas há uns dias em conversa com um amigo mais entendido ele apresentou-me a opção de em vez utilizar o LM317, utilizar um regulador comutável (usando este IC, por exemplo: http://www.ti.com/product/lm2679 (http://www.ti.com/product/lm2679)).
Gostava de saber a vossa opinião.
Não preciso de tensões muito altas. De 3-12V (embora ache que mais não faça mal nenhum) acho que chegaria, numa primeira fase. Agora em termos de corrente já não sei. Gostaria que tivesse também proteções contra curto-circuito, aquecimento, etc.
E mais uma questão: até que ponto é que uma tensão negativa seria importante?
Cumprimentos!
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Bernardo Lucas em 04 de Fevereiro de 2014, 20:03
Na minha opinião esse projeto do link é uma boa opção. Para começar na area da robotica e eletronica, penso que dê perfeitamente para o efeito. Quanto a tensão negativa é sempre importante por exemplo um ampop(que é utilizado em muitos circuitos) tem alimentação positiva e negativa. Mas se a fonte não tiver alimentção negativa, pode ser resolvido com este circuito: https://www.dropbox.com/s/8o8setrcrzruh19/Alimenta%C3%A7%C3%A3o%20Sim%C3%A9trica%20para%20AMPOP.png (https://www.dropbox.com/s/8o8setrcrzruh19/Alimenta%C3%A7%C3%A3o%20Sim%C3%A9trica%20para%20AMPOP.png)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 04 de Fevereiro de 2014, 20:56
 MAntunes - Essa fonte foram encontrados diversos problemas, e foram mais tarde corrigidos por utilizadores do forum.
No entanto na pagina nao sei se o esquema ja tem as correcções finais. O melhor é visitares o forum que tem lá todas as correcções necessárias.

Eu estou a fazer esta aqui, tem tudo o que perciso na fonte http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg75787#msg75787 (http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg75787#msg75787).

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: MAntunes em 09 de Fevereiro de 2014, 17:51
Obrigado a todos pela ajuda!
Já fui ao tal forum e tirei o esquema e lista de peças final.
Bernardo, esse circuito basta ligar como se as saidas da fonte sejam essa pilha no circuito, certo?
dio123, essa fonte já é bastante mais complexa :)

Quando começar com o projecto vou deixando aqui novidades.
Como o transformador me vai ficar de borla vai sair um projecto relativamente barato.
Acham melhor usar potenciometros de 10 voltas, certo? Para ter um ajuste mais preciso..
Cumprimentos!
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Bernardo Lucas em 09 de Fevereiro de 2014, 19:21
Obrigado a todos pela ajuda!
Já fui ao tal forum e tirei o esquema e lista de peças final.
Bernardo, esse circuito basta ligar como se as saidas da fonte sejam essa pilha no circuito, certo?
dio123, essa fonte já é bastante mais complexa :)

Quando começar com o projecto vou deixando aqui novidades.
Como o transformador me vai ficar de borla vai sair um projecto relativamente barato.
Acham melhor usar potenciometros de 10 voltas, certo? Para ter um ajuste mais preciso..
Cumprimentos!

Sim sim é isso mesmo depois de já ter a tensão dc continua é só ligar este circuito, ou seja, substituir o simbolo de bateria pelos termnais de saida da fonte de alimentação. Mas ATENÇÃO não ligar o VGND deste circuito ao GND da fonte pois o que este circuito faz é criar um GND virtual (para que se possa obter uma tensão positiva e outra tensão negativa), o que não é igual ao GND da fonte!!!
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 10 de Fevereiro de 2014, 00:02
Parece mas não é.
Se reparares são 2 fontes. A parte do meio é controlo de temperatura e auto parallelo.

Eu montei só a fonte. Mais tarde irei montar a parte do meio e a outra fonte quando houver €€.

Num entando tem um defeito, a saida e um pouco instavel, dai ter um condensador muito grande a saida, para compensar.
No entanto estou a corrigir isso com um colega meu do IST. Quando tiver a versao final posto aqui.

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 10 de Fevereiro de 2014, 16:54
Saída instável?!
Algo se passa e não vai ser com condensadores à saída que resolves isso.
A tensão deve ser ajustada com multi-volta, dois potenciómetros de ajuste não é prático e mesmo que se pague mais sempre compensa.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 10 de Fevereiro de 2014, 18:09
Acho que nao me expliquei bem.
Segundo o meu colega e nuns testes que se fez no LT Spince iV a saída está muito instavel.  O senhor que fez essa fonte, fez há muitos anos, e por isso  colocou um condensador grande a saída para atenuar a coisa, mas não resolve.

Estudando bem as coisas,  e refazendo os cálculos, ganhos ,  trocou-se npn bd244c  da saída por npn removeu-se  2n3904 que causava grande parte do problema no ganhos  dos op-amps.
 
Continuando com as simulações destas novas alterações, a saída é estável e só tem um condensador de 100n a saída. Mas isto ainda e face de estudo.

Em principio quarta feira  já fica tudo pronto do simulador depois e só passar outra vez para a pcb.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 25 de Fevereiro de 2014, 14:08
A fonte que postei neste topico:http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg75787#msg75787

Os resultados no simulador foi este: http://cl.ly/image/0P1m2d263T09 (http://cl.ly/image/0P1m2d263T09), mesmo colocando condensadores em tudo e que é sitio nao resolveu.

Eu  e um colega meu, fizemos uns calculos seguindo mais ou menos a linha da anterior e o resultado foi este:
http://cl.ly/image/47232u3t2d3w (http://cl.ly/image/47232u3t2d3w). Mesmo sem o condensador 220uF o grafico fica tal  e qual como está.
Até aqui parece estar tudo bem, saida estavel sem problemas.

Agora esta-se é com dificuldades em montar o limitador de corrente, já tentou-se  varios esquemas mas nao conseguimos nada.

obrigado


Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: jmiguelff em 25 de Fevereiro de 2014, 14:27
Podes usar o limitador de corrente que está nesse esquema. Basicamente ele tem uma resistência de medida de corrente e depois usa o mesmo esquema utilizado para a tensão.

Quando a corrente passa o threshold definido pelo potenciometro ele força a base do transistor de potência a baixo ("gnd").
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 25 de Fevereiro de 2014, 22:21
Usei o mesmo esquema da fonte anterior, mas o ajuste nao fica nada porpocional. A 0.6v no potenciometro antige os 2.5A.

imagem: http://cl.ly/image/0X0x0F3o0616 (http://cl.ly/image/0X0x0F3o0616)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 26 de Fevereiro de 2014, 00:35
É suposto R12 ser assim tão pequena?
Na secção de controlo de corrente tás a comparar a queda de tensão na resistência com 2.49V... para ela chegar lá teria que estar a passar 2.49/0.235 ~ 10.6A , pelo que a saída do ampop nunca vai mexer...
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: jmiguelff em 26 de Fevereiro de 2014, 10:52
O que o Njay disse. Tens de utilizar resistências apropriadas às correntes e tensões que tens para não dares valores que te saturem o op-amp.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 26 de Fevereiro de 2014, 14:06
Quanto a resistencia R12 47 Ohms nao fui eu calculei, mas ando a procura como se calcula para saber se está certa ou nao.

Com uma referencia 2.5v e a resistencia de 1ohm  fico com um relação de 1mv = 1A.

E que a lei de ohm diz-me  que para 16v consumir 2.5A  é necessária a resistencia de 6.4Ohms.

Com alteração de r7 de 0.235 para  1 ohm influenciou a saida. Estou a tentar ajustar as resistencia mas nao consigo obter a corrente de 2.5A na saida.




Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: jmiguelff em 26 de Fevereiro de 2014, 14:14
Se eu percebi bem a tua pergunta. Acho que para teres uma saída entre 7V e 12V, 16V na entrada é suficiente mesmo a consumir 2.5A.
Mas isso tem de ver a característica do transistor que estás a utilizar (na parte de "potência").

Não te esqueças que esse transistor vai aquecer, isso é importante. :p
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 26 de Fevereiro de 2014, 15:03
Com uma referencia 2.5v e a resistencia de 1ohm  fico com um relação de 1mv = 1A.

Ann?... para teres 1mV -> 1A a resistência teria que ser de 0.001 Ohm.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: jmiguelff em 26 de Fevereiro de 2014, 18:14
Com uma referencia 2.5v e a resistencia de 1ohm  fico com um relação de 1mv = 1A.

Ann?... para teres 1mV -> 1A a resistência teria que ser de 0.001 Ohm.

O que seria ainda pior pois estás a comparar com 2.5V :p
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Bernardo Lucas em 27 de Fevereiro de 2014, 20:14
Bem agora uma coisa um bocadinho á parte. Como é que posso ver o ruido da minha fonte de alimentação?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 27 de Fevereiro de 2014, 21:59
Com um osciloscopio consegues ver o ruido da tua fonte.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Bernardo Lucas em 27 de Fevereiro de 2014, 22:27
Pois era como eu pensava que se via. Poe-se o osciloscopio na saida e depois aumenta-se o sinal ao maximo que der e depois e ver as oscilaçoes na linha. Quanto menos oscilações tiver, menos ruido tem, ou seja, quanto mais "direita e lisa" estiver a linha menos ruido tem a fonte.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 05 de Março de 2014, 11:42
nesta fonte  http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg75787#msg75787 (http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg75787#msg75787)

Então a resistencia desta fonte tambem está mal. 2.49/0.25 = 9.96A.

A resistencia ideal será ref 2.49v/2.5A = 0.996 Ohms ?

Isto é muito mais dificil do que pensava.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 05 de Março de 2014, 13:27
nesta fonte  http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg75787#msg75787 (http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg75787#msg75787)

Então a resistencia desta fonte tambem está mal. 2.49/0.25 = 9.96A.
Está certo. Eles dividem a tensão de referência por 4*, portanto é 2.5V / 4 / 0.25Ohm = 2.5A

Citar
Isto é muito mais dificil do que pensava.
Bem-vindo ao mundo real :)


* no pot ADJ ajustas o divisor entre 4 e infinito (infinito dá zero), mas é no minimo 4
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: maurosmartins em 05 de Março de 2014, 16:58
Pois era como eu pensava que se via. Poe-se o osciloscopio na saida e depois aumenta-se o sinal ao maximo que der e depois e ver as oscilaçoes na linha. Quanto menos oscilações tiver, menos ruido tem, ou seja, quanto mais "direita e lisa" estiver a linha menos ruido tem a fonte.

Coloca o osciloscópio com acoplamento AC e passas a ver apenas o ripple da fonte.

Cumprimentos, Mauro.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 06 de Março de 2014, 17:31
A divisao por 4 neste caso é a resistencia de 30.8k com o potenciometro de 10k?

Senso a assim estava a pensar mal porque na entrada inversora do op-amp nao entra 2.49v mas sim 0.6625mv (maximo).

É necessário colocar uma resistencia entre colector e a base do 2n3904?

Deixo 3 imagens e o file do LT spice

Desde ja agradeço.

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 06 de Março de 2014, 18:28
A divisao por 4 neste caso é a resistencia de 30.8k com o potenciometro de 10k?
Yap. O LM336 é como um zener de 2V5, portanto tem a resistência 2K2 para V+ e a tensão de 2V5 aparece no nó que une o LM à resistência. O divisor de tensão formado pela resistência de 30K8 e o pot de 10K vai então dividir os 2V5 por ~4 ((30K8 + 10K) / 10K) qdo o pot tá todo para um lado e dividir por infinito quando o pot tá todo para o outro (intuitivamente, dividir por "infinito" dá zero, limx->0 (Vref * x / (30K8 + x)) = 0 , para quem já estudou limites em matemática). A tensão à saída do divisor de tensão (que é pino central do pot) é que vai para o "comparador de tensão".

Não fui ver os detalhes do LM336 mas deves poder usar o TL431 que talvez seja mais comum (todas as PSU de PC têm um).
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 18 de Março de 2014, 23:46
Boa noite,
Vou usar os TL431 porque nao tenho mais nenhum lm336.

Agora estou aqui com uma duvida no op-amp.
Ora tenho a referencia 0.625mv , na entrada  inversa do op.amp  entra 0-0.625mv para ajustar a corrente.
Na entrada nao inversora entra a corronte que o circuito está  a usar 0-2.5A neste caso entra 0-0.625mv.

Até aqui está tudo bem, mas o problema e que estou a tentar simular o circuito a puxar 2.5A e nao consigo fazer com que a saida varie entre 0-20v conforme o ajuste na entrada inversora.

O que estou aqui a fazer mal?


agradeço




Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 19 de Março de 2014, 09:37
Se tens a fonte já em CC (corrente constante), não podes controlar a tensão de saída, é a fonte que a controla para manter a corrente limitada. Tens que baixar a corrente para o tirar de CC.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 10 de Abril de 2014, 13:14
Acabei de montar o circuito todo na breadboard, com t431 a fazer referencia, mas o ajuste de corrente não está a funcionar como deve ser.

Ora coloquei o led de 12v e o ajuste de corrente em 0 mas o led não apagou totalmente . Usei depois a lâmpada de 12v, a lâmpada diminui a intensidade e apaga mas continua a passar 200ma pelas resistência 0.25 Ohms.

Troquei 2n3904 por 1 novo e continua o mesmo problema.

O circuito é deste post http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg79822#msg79822 (http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg79822#msg79822)


agradeço desde já pela ajuda.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 10 de Abril de 2014, 15:48
Se desligares R3 da saída do AMPOP e a ligares à tensão positiva de entrada a tensão e corrente de saída vão a zero, certo? Se sim, experimenta aumentar (ex.: x2) R5 e/ou reduzir (ex.: /2) R3.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 10 de Abril de 2014, 18:12
desliguei r3 da saida do op-amp e liguei a saida de r4.  Os leds apagaram a saida ficou a 0.

Aumentei r5 até 10k e reduzi r3 até 1k, e o problema continua. Ao testar as diversas resistências, não houve nenhuma alteração na intensidade do led com o potenciometro da corrente em 0.

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 10 de Abril de 2014, 19:24
Ligaste à saída de R4 ??? Era para desligares R3 da saída de U1 e ligar a Vcc.

E tens mesmo 0V na entrada inversora de U1? Qual é que é mesmo o circuito que tens na referência de tensão para a corrente? E com os 0V na entrada inversora, tens que tensão na entrada não-inversora e na saída de U1?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 10 de Abril de 2014, 21:52
Já percebi. Então liguei R3 a vcc e o leds apagaram a saida 0v.

Realmente nao está 0volts  na entrada inversora tem 0.1mv. Liguei R1 directamente a GND e o led acendia muito pouco mas acendia, aqui achei estranho. 
Coloquei outro fio directo do GND do transformador para o potenciometro e já deu.  Mas se for medir a voltagem da entrada inversora o led acende 0.03mv.

Parece que anda aqui a voar mv por cima beardboard.
 
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 11 de Abril de 2014, 03:20
Qual é o circuito da parte da referência de tensão?
É mesmo 0.1mV e 0.03mV que queres dizer (100 micro-Volt e 30 micro-Volt)?

E se baixares as resistências em série com as entradas de U1? Tipo 1K em vez de 10K.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 11 de Abril de 2014, 12:14
O esquema da referencia de tensão esta em anexo.
A escala do multimetro é 200 mv,
Alterei as resistencia das entradas para 1k e continua igual, a entrada nao inversa acende o led com menor intensidade, o multimetro mede 02.2mv e a entrada inversora mede 0.01mv mas nao acende o led.

Com as resistencias 10k a inversora acende o led e mede 0.03mv e nao inversora acende o led e mede 0.41mv.
Até se tocar com o dedo na resistencia os leds acendem, o que me parece ser interferencias. Será por ter o transformador em cima da mesa perto da breadboard.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 11 de Abril de 2014, 14:55
Pois então não sei. Estamos a falar djá de valores de tensão muito baixos, começa a ser da mesma dimensão dos parametros não-ideais do ampop como a tensão de offset, e como estás a usá-lo em malha aberta (sem feedback) o ganho brutal deixa-o muito sensível. Não tenho conhecimento apra resolver isto. Só acho estranho um dedo ter assim tanta influência, porque o que está ligado às entradas tem uma impedância relativamente baixa face ao que o teu dedo poderia fazer... talvez o dedo altere as capacidades parasitas e ele comece a oscilar. Mais não sei.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 27 de Abril de 2014, 13:26
Boa tarde,
Coloquei o condensador 100n  na entrada inversora e output e resolveu aquele comportamento estranho.

Outra duvida é se devo fazer 2 circuitos para referencia 2.5v com tl431 e 7805, 1 para cada op-amp, ou usar
1 circuito só e usar a referencia ambos op-amps. 
 
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 12 de Maio de 2014, 19:11
Agora descobri o verdadeiro problema, o condensador ajudou a atenuar a coisa, mas não é a razão.

O problema está no potenciometro de ajuste de corrente apesar de estar ligado a GND há ali qualquer coisa na breadboard  que nao faz bem o ground. Então liguei o GND  directamente ao potenciometro e dai vai para o resto da breadboard e assim nao acontece  o tal problema de led ficar acesso e de fazer intreferencia com o dedo.

Alguma recomendação para acrescentar a fonte?


agradeço
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: jm_araujo em 12 de Maio de 2014, 19:37
Podias baixar a capacidade da saída se conseguires.
Quanto mais capacidade tens à saída, maior corrente de curto-circuito que escapa ao controlo da fonte.

Simulastes um salto do valor da carga (quer aumentar, quer diminuir), para ver como se comportava em termos de over/undershoot e oscilação?
E cargas indutivas/capacitivas a ver se mantém-se estável?

E se calhar devias normalizar os valores das resistências para os valores da série E6 ou E12.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 12 de Maio de 2014, 19:56
Isso não é efeito de ter monitorização de corrente no low side?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 13 de Maio de 2014, 15:14
Inicialmente tinha tentado colocar a resistencia em High side com op-amp e a saida era a diferença e o ganho era 1X.  Depois ao simular no LT Spice tinha ficava com um problema no aumento do potenciometro do ajuste corrente, o aumento não era progressivo nó aumentava a a partir dos 40mv.

Alarguei o tempo de simulação para 2s, e reparei um pequeno problema/promenor.
Aos +/- 250ms, há ali um ligueira queda, mas é uma coisa minima. Mas só acontece quando cc ou cv vai de up para down.
Mudei os condensadores C1 e C2 para 0.1u e resolve esse problema, mas cria outro que cc ou cv vai de down para up faz-me isto. http://cl.ly/image/2u1F202k1Z37 (http://cl.ly/image/2u1F202k1Z37)

start: http://cl.ly/image/0O17432y2h3R (http://cl.ly/image/0O17432y2h3R)
noise: http://cl.ly/image/2e3V140G1Z3M (http://cl.ly/image/2e3V140G1Z3M)
up voltage: http://cl.ly/image/3M1C2C0q1V24 (http://cl.ly/image/3M1C2C0q1V24)
up current: http://cl.ly/image/41102a0N2L1M (http://cl.ly/image/41102a0N2L1M)
down voltage: http://cl.ly/image/2q0K3f0A1L2x (http://cl.ly/image/2q0K3f0A1L2x)
down current: http://cl.ly/image/2I2C3t1q3h22 (http://cl.ly/image/2I2C3t1q3h22)

Simulei diversas cargas, mudando o valor de R9 e os graficos premaneceram iguais
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 13 de Maio de 2014, 17:56
Quanto aos teus problemas não sei (realimentação por 1 único cap é um tanto incomum, isso é um integrador), mas cá está um projecto interessante para implementar com um PSoC4 (tem integrado 2 DACs, 2 AMPOPs e 2 compradores de tensão).
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 13 de Maio de 2014, 20:53
Pelo menos o re:load pro substitiu meia duzia de componentes por um PSoC, e tenho ideia que já uma fonte de bancada feita com PSoC.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 14 de Maio de 2014, 02:22
é bem provável
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 25 de Maio de 2014, 14:10
Vi um esquema de uma ponte retificadora assim.  http://cl.ly/image/3w1L3j133B0H (http://cl.ly/image/3w1L3j133B0H)

O problema é que não consigo encontrar o site e não consigo descobrir para que serve os 4 condensadores 100nF nos diodos, porque é um pouco incomum encontrar em projectos.

Para que servirá?

Quanto há ligueira queda que havia no incio, mexi na resistências da saída op-amp e tirei o condensador do U2  e resolveu o problema. 
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 25 de Maio de 2014, 14:22
Já vi essa ponte, até mesmo em aparelhos comerciais. Os caps deve ser para filtrar algum ruído de comutação dos diodos (por causa da Irr), mas talvez consigas ver isso se simulares...
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 25 de Maio de 2014, 21:08
O pessoal do audio é que costuma fazer isso, tipicamente chamados de snubbers, se procurares por essa palavra vais encontrar mais, uns dizem que é melhor, outros dizem que é pior, outros que é igual.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 09 de Julho de 2014, 14:31
Tenho tudo  pronto, estou aqui a acertar os ultimos promenores, mas surgiu aqui uma duvida.

No eagle,  os pads que ligam ao ground plane ficam com 3 ou 4 pistas pequeninas em forma de cruz e ligam ao ground plane.
A minha duvida é se dá para aumentar um pouco essas pistas.
ex: http://cl.ly/image/311N002k0j0c (http://cl.ly/image/311N002k0j0c)

Obrigado
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: jm_araujo em 09 de Julho de 2014, 14:55
Chamam-se "thermals".
Alteram-se mudando a espessura de linha do polígono que está a fazer o plano (tive de procurar ;) )
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 09 de Julho de 2014, 15:06
"thermal relief", "alívio térmico"

http://en.wikipedia.org/wiki/Thermal_relief (http://en.wikipedia.org/wiki/Thermal_relief)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 09 de Julho de 2014, 16:39
É isso mesmo,
Quando desenha-se o poligno para fazer o ground plane escolhe-se a espessura para o Thermal relief.

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 14 de Julho de 2014, 15:22
Esta é a 2ª fonte, em anexo,  parece estar estavel, tanto no lt spice como na prática a olho.

Tenho 1 led de 12v ligado a saida e a voltagem há saida é  12,04v.
Mudo o led para uma lampada 12v 7w  aprox: 1.7A ai acende o CC, acerto o potenciometro do ajuste CC e fica ok.
O problema é que vou medir a voltagem há saida da fonte novamente e tenho 11,74v. Depois tenho de ir ao cv dar-lhe um ajustezinho para ir 12.08v. Se desligar a lampada e ligar o led a volta a voltagem na saida sobe para 12.68v.

A minha duvida é a seguinte: o op-amp U2 nao devia corrigir este drop voltage que acontece com o variar das correntes?


Obrigado

 
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 14 de Julho de 2014, 15:27
12V 7W dá 0.583A e não 1.7A
Não estarás a perder tensão nos cabos?
Na simulação funcionou bem com cargas?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 14 de Julho de 2014, 15:54
Poderá ser o facto de esse op-amp não ser rail to rail e não ter grande capacidade de drive quando próximo da massa ou do Vcc?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 15 de Julho de 2014, 21:29
As breadboard são muito traisoeiras. Tenho um fio que leva GND depois do RSENSE para a parte superior da breadboard e ai liga as resistencias que metem a tensão.  depois a resistencia do GND  e puxei um fio para a parte inferior da breadboard e já funciona.  Técnicamente está ligado ao mesmo sitio.

Vou fazer a placa, e logo se ve...
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 22 de Julho de 2014, 22:57
Com a 1ª parte da fonte alimentação feita, e a placa final feita começo agora a  2ª parte da fonte que é medir tensão e corrente e controlo da fan. 

montei o circuito todo na breadboard http://cl.ly/image/3L1T2t0W1323 (http://cl.ly/image/3L1T2t0W1323) , começei por usar a referencia interna do atmega8, e o resultado foi que a voltagem  tem  ligeira  diferença, que é corrigivel.
O grande problema é que a voltagem no lcd está sempre oscilar, exprimentei fazer ume media de 16 amostras, e o problema melhorou muito pouco.  Depois  troquei a referencia interna por externa usando TL431, mas o resultado foi o mesmo. Neste momento está a oscilar entre 11.78v, 11.82v,11.87v  11.80v ,11.82v. sendo a saida da fonte 12v certos pelo o multimetro.

O que estou a fazer mal?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 22 de Julho de 2014, 22:59
Esquema de como estás a fazer a medição, mas possivelmente um condensador de 1uF á entrada do pino do ADC deve estabilizar a coisa.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 22 de Julho de 2014, 23:14
Já coloquei condensadores  1uF e de 10uF , mas continua a oscilar.

código em anexo mas fica aqui o resumo:
Citar
readout = read_adc(1);
      buf_medias[i++] = readout;
      if(i < 16) continue;
      // Calcular a media de 16 amostras
      for(i = 0; i < 15;  i++)
      {
         voltage += (float)buf_medias;
      }
      voltage = (voltage / 16.0)*factor;
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 22 de Julho de 2014, 23:18
Não uses assim floats com fartura..
Faz só a conversão final de counts de adc para float quanto metes o valor no lcd, não ganhas nada em estar a guardar valores float, só perdes ram, e torna-se muito mais lento.

E o código que trata da leitura do ADC?
Estás a usar vários canais?
Em modo free-runing sempre que mudas de canal, a primeira leitura após a mudança tem um valor do canal anterior.

Se é para fazer scanning usas interrupts, isto é para um atmega328p em SMD que tem mais dois pinos analógios, e está a saltar o A4 e o A5 porque os estou a usar para i2c:
Citar
inline void adcInit(void){

   ADCSRA |= (_BV(ADPS2)|_BV(ADPS1)|_BV(ADPS0)|_BV(ADIE));   //16Mhz/128 = 125Khz ADC interrupts ON
   ADMUX = ADCREF;          //Referencia de 5v
   ADCSRA |= _BV(ADEN);      //Adc ligada
   ADCSRA |= _BV(ADSC);      //Fazer uma primeira conversão para iniciar o circuito e porque é a mais lenta
}

ISR(ADC_vect){
   
   static uint8_t inputIndex=0;
   
   if(inputIndex > 4){
      adcRaw[inputIndex-2] = ADCW;   //grab the new conversion data   
   }
   else {
      adcRaw[inputIndex] = ADCW;
   }
   
   if (++inputIndex >= 8 )
   {
      inputIndex=0;
   }
   
   if(inputIndex == 4){
      inputIndex = 6;
   }
   
   ADMUX = ADCREF + inputIndex;   //Define o novo canal a ler do ADC
   ADCSRA |= (1<<ADSC);   //Start a new conversion

   
}

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 23 de Julho de 2014, 00:24
Neste caso , só preciso de um canal que é ADC1.  Os outros não me interessam. Mas no caso de crer ler vários canais terei de usar interrupts certo?

Não estou a perceber o que quer dizer com " E o código que trata da leitura do ADC?"

Então uint16_t read_adc só vai ler o canal que eu escolher neste caso 1, e dai vou receber um valor entre 0-1023 que vai para a variável readout e na continuação do loop o valor é convertido e calculado a voltagem Vin do divisor restritivo.

Se calhar está parte das "contas" havia de estar num void a parte do loop , e no loop ter só ficar o resultado final para passar para o lcd?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 23 de Julho de 2014, 00:36
Mantem a leitura, médias e afins tudo em uint's, só no print para o lcd é que fazes a multiplicaçã/divisão para passar para float.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 23 de Julho de 2014, 01:27
Os outros não me interessam. Mas no caso de crer ler vários canais terei de usar interrupts certo?
Não.

Mete 100nF em C5 (ou além de C5). C5, C4 e C6 têm que estar mesmo "em cima" das patas do chip.

Esta é a minha rotina tipica de leitura do ADC, quando não quero usar a interrupção para fazer o trabalho todo. É um esquema "hibrido", uso a interrupção apenas para não estar a fazer um ciclo activo à espera do final da conversão, assim posso fazer sleep para reduzir a interferência do trabalhar do chip.

EMPTY_INTERRUPT(ADC_vect)

static uint16_t ReadAdc (uint8_t channel)
{
    uint8_t  prevSREG;
    uint16_t  val;

    // Set channel
    ADMUX = (ADMUX & 0xf0) | channel;
    //set_sleep_mode(SLEEP_MODE_ADC);       // does not allow timer1 to continue operate
    // Enable intrs, ADC. Conversion starts automatically when entering
    // sleep mode (idle or ADC noise reduction). @@TODO CHECK THIS - não funca no simulador

    ADCSRA |= _BV(ADIE);
    ADCSRA |= _BV(ADSC);

    // Wait end-of-conversion. The ADC interrupt will unblock sleep.
    do sleep_mode();
    while (ADCSRA & _BV(ADSC));     // wait for the bit to go to zero

    // Read the value
    prevSREG = SREG;
    cli();
    val = ADCW;
    SREG = prevSREG;

    // Disable the ADC interrupt
    ADCSRA &= ~_BV(ADIE);
    return val;
}


(Há ali umas experiências que fiz mas não funcionaram e não voltei a debruçar-me sobre o assunto, ignorem.) Como é que isto funca? O CPU sai de sleep sempre que há uma interrupção. Quando a conversão terminar vai haver uma e portanto o loop termina. Entretanto o core está em sleep (e idealmente estaria num modo especial de sleep para o ADC) e há menos ruído digital a ser gerado. A interrupção é implementada vazia (o handler só tem uma instrução, o iret). Como posso ter outras interrupções no sistema, quando o sleep desbloqueia tenho à mesma que testar se a conversão acabou mesmo.
Esta rotina assume que o ADC já foi ligado e configurado noutro sítio.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 23 de Julho de 2014, 13:18
o sleep mete-te o micro a dormir, ou seja, basicamente desligado.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 23 de Julho de 2014, 13:29
O codigo consegui resumir um pouco mais, mas o problema dos valores estarem a oscilar presistem.
Basicamente é acordar o adc para ler e depois desligar para nao "acumular ruido" certo?

Quanto ao codigo do Njay consegui por a funcionar, mas penso que é assim.
No arranque   SREG |= _BV(SREG_I); para ligar interrupts
                   set_sleep_mode(SLEEP_MODE_ADC); define o modo do sleep
                   sleep_enable();  liga o sleep.
                   inicia o adc

depois no adc_read é onde uso o codigo do Njay.

Penso que nao fiz nada de errado.
                   
anexo codigo completo.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 23 de Julho de 2014, 13:45
Então possivelmente a oscilação está mesmo lá; 90mV de ripple na verdade parece-me muito para ruído. Assumindo que não tens um osciloscópio à mão, podes fazer este teste, que é meter o AVR a ler uma bateria de 12V (ou plha de 9V, ou...). A tensão de uma bateria é sempre bastante estável (partindo do principio que não tem lá nenhuma carga a dar "puxões" na corrente) e assim ficas a saber se a oscilação continua. Faz 2 testes, 1 com o circuito do AVR alimentado pela tua fonte e outro com ele alimentado pela bateria.

p.s. Ah! Tb podes experimentar baixar R1/R2 por um factor de 10, usar 8K2 e 1K
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 23 de Julho de 2014, 14:28
1-  pilha 9v --lm317 -- divisor ligado ao 5v e gnd do atmega . pino analogico varia entre 212 e 213.
2-  pilha 9v --lm317 -- divisor ligado ao vcc e gnd da fonte alimentacao  pino analogico varia num intervalo entre 500 e 520
3-  fonte de alimentação 5v - atmega e divisor ligado a uma pilha 9v  com gnd partilhado pino analogico varia entre 308 e 311

mudei as resistencias para 8k2 e 1k

4-  fonte de alimentação 5v - atmega e divisor ligado há uma pilha 9v  com gnd partilhado pino analogico varia entre 345 e 350 mas a variação é mais fixa  350.
5-  fonte de alimentação 5v - atmega e divisor ligado há fonte alimentacao  pino analogico varia entre 518 e 522 mas e a variação é mais fixa  para 522.

Estas resistencias são de 5% , mas quando estive numa calculadora online dizia-me que 82k e 10k era melhor em termos de erro  e ratio que a de 8k2  e 1k.



Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 24 de Julho de 2014, 00:35
- Tudo o que é digital gera muito ruído nas linhas de alimentação.
- Se estás a fazer a montagem em breadboard ainda mais se agrava esse fenómeno.
- Quando é em pcb deve ser de dupla face e separar as massas de analógico e digital.
- Mesmo em breadboard não devias ter uma variação tão grande, ou o modo sleep não está a ser usado.
- Quanto menor as resistências de entrada ao ADC melhor, menos ruído apanham por interferências eletromagnéticas.
- Como o refrescamento que pretendes não é alto, sempre podes colocar delays entre cada leitura, assim não são feitas as medições todas seguidas para achares a média.
- É bom que estejas longe de fontes eletromagnéticas como lâmpadas economizadoras, PCs ou transformadores.
- Aumenta a capacidade de filtração da fonte do micro, melhor seria alimentar este micro com uma resistência +-10ohms e colocar um condensador directamente no micro, assim as interferências à linha de alimentação atenuam bastante,
- Já foi aqui referido que a soma das leituras é através de um nº inteiro, a divisão pelo nº de leituras para se achar a média já pode ser fracionário.

Desculpa tanto palavreado, já tive várias vezes problemas com interferências e sei como é frustrante descobrir soluções.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 25 de Julho de 2014, 22:36
Bem peguei no TL431 meti a fazer referencia a 2.49v e troquei a referencia interna do atmega8L  pela a externa e o resultado foi maravilhoso. Tenho o resultado da porta analógica estabilizada 538. As vezes abana 537 e 538, o que é perfeitamente normal isto sem fazer  médias com resultado directo.

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 26 de Julho de 2014, 00:22
Atira-lhe um LM4040 de 2.048v, assim cada LSB corresponde a mV's certos a não a valores decimais, acaba-se logo os floats, poupas 2K de flash sem as bibliotecas float.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Hugu em 26 de Julho de 2014, 01:29
eu ja tenho os lm317 em stock...
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 23 de Agosto de 2014, 20:55
Boa noite,
uma vez que nao tenho em mãos o material para testar, resolvi desenvolver as coisas na teoria e aplicar na pratica quando estiver em casa. 
A controladora fiz o seguinte:
DIVISOR RESTRITIVO: GND --- 1K ---A2---8K2------VCC
A2 = 2.5V  quando vcc = 23v.  A fonte em aberto é 21v, fiquei com margem de segurança.

Medição de corrente:  RShunt= 0,47R  ao passar  2.5A pela resistencia, a tensão máxima é  1.175v  depois meti um lm358 alimentado a 5v e tenho um output entre 0- 2.48v.

Agora tenho as seguintes duvidas.
1- Usar o LM35 metendo por cima do 2n3055,com massa termica para medir a temperatura, ligado por um cabo de 20cm de distancia do atmega. Pode funcionar? a distancia do cabo nao vai trazer problemas nas leituras?

2- input 20v usando 7812 para 12v e ligar as 2 fans, isto dá mais ou menos 500mA será perciso dissipador? ou é melhor usar um regulador que permita mais corrente tipo 5A e assim evito dissipadores.

 



Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 23 de Agosto de 2014, 22:10
Boa noite,
uma vez que nao tenho em mãos o material para testar, resolvi desenvolver as coisas na teoria e aplicar na pratica quando estiver em casa. 
A controladora fiz o seguinte:
DIVISOR RESTRITIVO: GND --- 1K ---A2---8K2------VCC
A2 = 2.5V  quando vcc = 23v.  A fonte em aberto é 21v, fiquei com margem de segurança.
Os valores estão correctos, mesmo com tensão de referência exterior, deve ser calibrado no programa para se ter um valor preciso.

Citar
Medição de corrente:  RShunt= 0,47R  ao passar  2.5A pela resistencia, a tensão máxima é  1.175v  depois meti um lm358 alimentado a 5v e tenho um output entre 0- 2.48v.
Esta é uma parte crítica, fizeste ao menos simulação?

Citar
Já se tinha comentado por aqui que um divisor resistivo não é das melhores soluções quando se quer fazer leituras porque
Não era a melhor solução quando se queria monitorizar a pequena variação de uma bateria, não é o caso.

Citar
Agora tenho as seguintes duvidas.
1- Usar o LM35 metendo por cima do 2n3055,com massa termica para medir a temperatura, ligado por um cabo de 20cm de distancia do atmega. Pode funcionar? a distancia do cabo nao vai trazer problemas nas leituras?
Sem problemas em relação ao cabo, medir a temperatura é que é um pouco desprovido numa fonte, já pensaste em colocar um NTC em série com a ventoinha, funciona perfeitamente?

Citar
2- input 20v usando 7812 para 12v e ligar as 2 fans, isto dá mais ou menos 500mA será perciso dissipador? ou é melhor usar um regulador que permita mais corrente tipo 5A e assim evito dissipadores.
20V - 12V = 8V x 0.5A = 4W
Aconselhava dissipador, não é por usares um regulador que suporte mais corrente que estes 4W desaparecem, a não ser que seja por comutação e aí estás a introduzir ruído no circuito.

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 23 de Agosto de 2014, 22:28
Boa noite,
Sim cheguei a fazer a simulação da Medição de corrente no isis proteus, e irei fazer na breadboard.

O divisor restritivo de facto nao é a melhor solução, até tenho o icl7107 do multimetro em DIP  só que nao quero usar porque vai-me obrigar a usar o display 7 segmentos em vez do lcd que leva mais informação e ocupa menos espaço.

Tenho um transformador de um relogio, e poderá dar, mas só testando.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 10 de Setembro de 2014, 11:21
Bom dia,
A fonte já está a trabalhar,  finalizada e montada numa placa de madeira.  Só falta fazer umas correcções no eagle, tinha problema nas massas,  para partilhar aqui .  foto: http://cl.ly/image/271h461H432I (http://cl.ly/image/271h461H432I)

Agora  só falta um volmeter e ammeter.
Chego a conclusão que vai ser bastante dificil medir voltagem com o atmega, isto porque a medição não é tão  linear.
Estou a medir 12v acertos da fonte e o atmega está a medir 12 certos. Dentro da gama 11 e 13v bate certo um erro minimo nos extremos, mas se baixar a fonte para 5v o atmega já me le 4V  já é um erro grande.

Agora podia criar um array com todos os erros de 0 a 20v e a partir dai dar a voltagem final mas vai subcarregar imenso e não me parece que fique alguma coisa decente.

Estou a ponderar sériamente nisto, é só ligar e nao percisava de preocupar tenho as 2 coisas, mas tenho receio que não preste.
http://www.ebay.com/itm/New-100V-100A-DC-Digital-Voltmeter-Ammeter-LED-Amp-Volt-Meter-Current-Shunt-/291079963241?pt=LH_DefaultDomain_0&hash=item43c5b7c269 (http://www.ebay.com/itm/New-100V-100A-DC-Digital-Voltmeter-Ammeter-LED-Amp-Volt-Meter-Current-Shunt-/291079963241?pt=LH_DefaultDomain_0&hash=item43c5b7c269)

aceita-se sugestões.

Obrigado
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 10 de Setembro de 2014, 15:16
1v ao lado, estás a alimentar o micro por onde?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 10 de Setembro de 2014, 16:03
Parabéns!, foi preciso persistência para chegar até aqui :)
É mto estranho, tens aí gato em qq lado, dá perfeitamente para fazer uma leitura dessas com um mega ou qq outro micro com um ADC. Esquema e código?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 10 de Setembro de 2014, 17:07
O divisor resistivo estou a usar 2 resistencias 1/4  5% que veio no kit resistencias velleman.
Eu estou alimentar o atmega por um 7805 que meti na fonte. Por usb do pc o resultado é igual.

O esquema é este http://cl.ly/image/1S2I2t3j162p (http://cl.ly/image/1S2I2t3j162p)
O codigo em anexo.

Será que metendo 2 resistencias 1% a coisa melhora?
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 10 de Setembro de 2014, 20:22
Ohhh dio dio, precisas de dar um jeito no teu código, a indentação tá meio atrapalhada, misturas espaços com tabs, dá lá um jeitinho nisso primeiro sff.


Não, o teu problema não são as resistências, tá bem como tá, eventualmente podes corrigir alguma coisa em sw, não precisas de mudar o hw.

p.s. já agora convém verificar o multimetro que usaste, eles com as pilhas fracas ficam esquisitos.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 11 de Setembro de 2014, 00:16
Verifiquei o multimetro, a pilha está ok, meti uma nova mas dá os mesmos valores.

Acrescentei 0.00185 ao factor da resistencia, e na fonte aliemntacao meti 5 volts o atmega lé 5v começei aumentar para 12v  e o atmega le 12.24V.
Acerto mas depois há uma grande descrespancia para os outros valores.

codigo em anexo arrumado. Isto de  estar sempre a mexer no codigo nao consgo manter sempre arrumadinho.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 11 de Setembro de 2014, 01:11
Essa indentação ainda não está lá muito bem. Código é arte pá, tem que ter bom aspecto. Gostas de ver quadros feios :)?

Calibra o teu sistema da leitura fazendo uma interpolação linear. Metes 1V (v1) e anotas o valor do ADC (c1); depois metes o máximo, faz de conta que é 12V (v2), e anotas o valor do ADC (c2).
A partir daqui, qualquer valor c lido do adc, em Volt é

saida_volt = (c - c1) * (v2 - v1) / (c2 - c1) + v1

O que se está aqui a fazer é, e sabendo que o comportamento é linear (uma variação na tensão de entrada leva a uma variação do valor do ADC em igual proporção), calcular 2 pontos da recta e aí partir daí usar uma equação da recta para calcular qualquer ponto nessa recta. Repare-se que (v2 - v1) / (c2 - c1) é o declive da recta. A subtracção a c está apenas a deslocar a recta para o lado. Talvez nesta forma a equação seja mais reconhecível, embora não capte todos os "parâmetros" que estamos aqui a usar:

y = mx + b

m é o declive e b onde a recta intersecta o eixo do y para x = 0. Isto é matéria do liceu, toca a ir rever aquelas "tretas" de matemática que nunca vos disseram para que é que serviam :p .

Uma forma para verificar que a fórmula está certa é aplicar a fórmula aos pontos da recta que já conhecemos: se entrar c = c1 o resultado tem que ser v1:

saida_volt
= (c - c1) * (v2 - v1) / (c2 - c1) + v1
= (c1 - c1) * (v2 - v1) / (c2 - c1) + v1
= 0 * (v2 - v1) / (c2 - c1) + v1
= 0 + v1
= v1

E é, já sabemos que para v1 o valor lido do ADC é c1. Podemos fazer a mesma coisa com c = c2 e teremos que obter v2. Valores entre c1 e c2 irão dar valores entre v1 e v2.

É importante que os 2 pontos usados na calibração sejam próximos dos extremos do intervalo possível de entrada, para o erro ser o menor possível. Se os pontos forem muito próximos, a resolução dos números no computador, como é finita e "grosseira", introduz erros que depois se notam muito. A usar floats é capaz de não se notar muito (se os 2 pontos medidos não forem muito pertinho), mas se depois quiseres optimizar usando usar inteiros, nota-se mais.

Espero não ter cometido nehuma gafe na explicação, usar é uma coisa e explicar é outra ::)

Faz tudo sentido?


p.s.: Na verdade este caso pode ser calibrado de forma mais simples porque a recta cruza a origem de ambos os eixos, o ponto (0;0) (0V na entrada -> contagem 0 no ADC), pelo que bastava medir 1 ponto, nos 12V, e assumir que o outro é o (0,0), mas nem sempre é assim!
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 13 de Setembro de 2014, 11:26
Bom dia,

obrigado Njay pela explicação, eu por acaso dei  interpolação linear na escola, mas sinceramente nem me passou pela cabeça que dava para resolver o meu problema.

A interpolação linear funcionou muito bem, consegui ter uma percisão, de uma casa decimal, o que é muito bom. Usei 2 pontos proximos  do extermos, que neste caso foi 1v e 17v.

Agora tentei ler a corrente conforme tinha simulado, mas não funcionou.
liguei o fio que vem depois da resistencia Rshunt  ao op-amp(lm358) para amplificar até 2.48v e liguei output ao pino adc mas aquilo nao deu nada.  Mas se medir com o multimetro tem  voltagem  0.120mv

O atmega está alimentado por 7805 mas a GND vem antes da resistencia.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: senso em 13 de Setembro de 2014, 12:31
0.12mV é efectivamente nada para o atmega, já que o ADC é de 10 bits, com uma referência de 5v, tens uma resolução de 5/1024 = 4.8mV/LSB
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 13 de Setembro de 2014, 14:33
Mas se medir com o multimetro tem  voltagem  0.120mv

Se medires, onde?

De qq forma podes mais uma vez aplicar uma interpolação linear.

Queria chamar a atenção para mais um aspecto da interpolação linear aplicada neste contexto. Voltando à fórmula:

saida_volt = (c - c1) * (v2 - v1) / (c2 - c1) + v1

Já repararam que funciona, mas que nem a Vref do ADC nem as resistências do divisor de tensão estão aqui a ser usadas? Hummm...
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 14 de Setembro de 2014, 22:04
O esquema da fonte é este http://cl.ly/image/3g0V3g412J1h. (http://cl.ly/image/3g0V3g412J1h.)
O circuito do atmega é alimentado por um regulador de tensão 7805 onde o Ground vem do lado A da resistencia.
Em paralelo com a resistencia 0.25R tenho um header 2 pinos  onde vou medir o lado A com o lado B da resistencia.

Tenho uma lampada 12V 21W ligada na saida da fonte, o multimetro marca 1.71A de corrente e  medindo a resistencia lado A com lado B tenho 0.212 V.
Estes 212mv vão ao lm358 que amplifica o sinal dando-me uma saida 0.330V daqui vai para o pino adc do atmega.

agora tenho 2 problemas, o primeiro é em relação a voltagem está afinadinho, mas se ligar uma carga, neste caso é uma lampada  a voltagem no adc varia logo 700mv de 12.02v mostra 12.85v  e se afinar com carga fica desafinado sem carga.

O segundo problema está na leitura da corrente até 1A já consegui ler,  o problema a a partir 1.3A o adc começa a oscilar que é uma coisa parva.

Quanto a pergunta da interpolação linear se nao me enganei-me o valor a multiplicar por adc é relativamente proximo  do valor do factor resistencias do divisor de tensão com o v_ref, mas o valor factor das resistencias não se aproxima de todos os casos. como a interpolação linear.





Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 15 de Setembro de 2014, 12:36
Sem grande análise a 1ª coisa que me salta à vista é que 0.25 Ohm x 1.71 A ~ 428 mV e não 212 mV...

A calibração é independente de haver carga ou não. Se estás a ver esse efeito, é porque estás a medir entre os pontos errados ou porque a tensão de saída de facto tem essa variação.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Oliveiraj em 06 de Outubro de 2014, 17:19
Boas tardes, estou a pensar utilizar uma fonte atx de pc para fazer uma saida regulável, posso utilizar o esquema abaixo utilizando em vez do LM317LZ o LM350T?

O esquema é fiável?

(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi202.photobucket.com%2Falbums%2Faa220%2Fklapatsimbanos%2FPower%2520Supply%2FPSU_hlektr.jpg&hash=b751c9e911a8b362e1f14179ad4f69b1)


Muito obrigado desde já.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 06 de Outubro de 2014, 17:30
Dá uma vista de olhos neste topico: http://lusorobotica.com/index.php?topic=6526.msg72985#msg72985 (http://lusorobotica.com/index.php?topic=6526.msg72985#msg72985)

Podes fazer este tem ajuste de voltage e current: http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg77784#msg77784 (http://lusorobotica.com/index.php?topic=6576.msg77784#msg77784)

Entre é que o  lm317 suporta corrente ate 1.5A e lm350 até 3A.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Oliveiraj em 06 de Outubro de 2014, 17:59
O único problema é que para um leigo como eu, num esquema sem os valores ao certo dos componentes não me safo hehe.

Ainda com os valores consigo montar e tal, agora sem é como um burro a olhar para um palácio =)

Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 12 de Outubro de 2014, 18:44
Bem já consegui uma grande melhoria no problema estava no condensador c3 removi e já não oscila praticamente nada.
Mas nao irei fazer o voltimetro amperimetro como previsto comprei aqueles lcd que mostra a V e A, o que permite reduzir o comprimento na caixa. 

Já montei 2n3055 no dissipador, com a mica e as buchas plasticas para nao fazer contacto directo. O dissipador é igual a este http://www.johnhearfield.com/Eng/HS_TO-3.gif (http://www.johnhearfield.com/Eng/HS_TO-3.gif)   Medidas 11.5cm comp 7.5cm larg e 2.5cm altura.

A minha duvida é se coloco a fan junto ao dissipador ficando 2.5cm distancia,  ou deixo mais espaço.  A tensão será 15v 2.5A.

Outra duvida é como posso simular LT SPICE o ripple após a saida da ponte reficadora sem ter de simular transformadores e os diodos?
 

Agradeço.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: beirao em 13 de Outubro de 2014, 22:29
Outra duvida é como posso simular LT SPICE o ripple após a saida da ponte reficadora sem ter de simular transformadores e os diodos?

Para simulares o ripple podes usar uma fonte AC. Defines a tensão pico a pico e uma tensão DC que será o offset. Não sei quais os nomes que la estao no ltspice pq nao o tenho instalado neste pc, mas é por aí! ;)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dropes em 14 de Outubro de 2014, 00:47
A minha duvida é se coloco a fan junto ao dissipador ficando 2.5cm distancia,  ou deixo mais espaço.  A tensão será 15v 2.5A.

Se é para arrefecer o dissipador, o melhor é mesmo encostar, como se fazem nos CPUs.
A direcção do ar é um pouco relativa quando encostada ao dissipador, mas se a ventoinha for colocada num orifício de numa caixa, a direcção deve ser sempre para o exterior de forma a extrair o ar quente desta.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 14 de Outubro de 2014, 01:58
Outra duvida é como posso simular LT SPICE o ripple após a saida da ponte reficadora sem ter de simular transformadores e os diodos?

Para simulares o ripple podes usar uma fonte AC. Defines a tensão pico a pico e uma tensão DC que será o offset.

Isso não dá uma "onda rectificada" como o que ele quer. Certamente dará para fazer uma fonte de tensão com a função que queiras (que neste caso seria algo como abs(Vp * sin( 2*Pi * 50 * t )) ), mas não sei de cor, eu metia uma fonte AC a simular a saída do transformador (Vp de amplitude) e depois a ponte de diodos, assim até fica mais realista com o comportamento dos diodos (tens que escolher um modelo para eles, senão acho que são simulados como se fossem ideais).

(A tensão AC da rede, que dizemos ser 230 V, é 230 Vrms, que equivale a ~325V de pico (amplitude da onda sinusóidal). Vpico ~ Vrms / 0.707)

Update: Tirei a história dos 325V de tensão de pico na simulação, esqueci-me que estava-se aqui a falar da tensão à saída dum transformador e não à entrada :)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: Njay em 14 de Outubro de 2014, 11:01
Ups, tirei do post anterior a história dos 325V de tensão de pico na simulação, esqueci-me que estava-se aqui a falar da tensão à saída dum transformador e não à entrada :) . Conceptualmente fica tudo igual mas a tensão a simular na fonte AC será a da saída do transformador, que não sei qual é para o caso do dio.
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: beirao em 14 de Outubro de 2014, 21:13
Epa tens razao. Li na diagonal e pensei que apenas queria simular ripple! ;)
Título: Re: fonte alimentação
Enviado por: dio123 em 16 de Outubro de 2014, 16:58
Venho postar com muita felicidade, que finalmente conclui o meu 1º grande projecto da fonte de alimentação 0-16v 0-2A, graças aos users da Lusoróbotica que poderam  ajudar e partilhar os seus conhecimentos e as suas experiencias comigo.  Agradeço mais uma vez a todos os users da Lusoróbotica.

Neste momento estou a espera, lcd modulo voltagem amperagem, para começar fazer um post com todos os detalhes da fonte, e da caixa.

Quanto ao ultimo problema da voltagem e amperagem oscilar esclui o atmega e o tl431, logo o problema só podia estar na fonte. Então no lt spice simulei 230v ac com transformador saida 25v ac, ponte reficadora com o diodos 1n5406 e tinha o que percisava. Sem meter o condensador para estabilizar a saida,  reparei que na saida do op-amp do ajuste corrente que a onda não era perfeita, troquei com condensador 100n por 10n e resolvou completamente o problema.  Depois na pratica o atmega esta certinho nem oscila e tenho um delay de    _delay_ms(10);.
 
Título: Re: fonte alimentação 0-16v 0-2.5A
Enviado por: dio123 em 08 de Outubro de 2015, 14:36
update 1 post circuito final.
Título: Re: fonte alimentação 0-16v 0-2.5A
Enviado por: Njay em 08 de Outubro de 2015, 20:23
Ahhh, o doce gostinho de um projecto terminado :), Parabéns :)!

Se puderes mete é um esquema do circuito, porque só o PCB não dá para nada.
Título: Re: fonte alimentação 0-16v 0-2.5A
Enviado por: dio123 em 08 de Outubro de 2015, 20:57
O esquema está la por baixo das 2 imagens da PCB. Mas acrescentei outra com maior resolução.  A não ser que não nao de para ver online e só transferindo para o anexo para o pc.
Título: Re: fonte alimentação 0-16v 0-2.5A
Enviado por: Njay em 10 de Outubro de 2015, 22:19
Ok, perfeito! Qdo olhei só me lembro de ver os desenhos das PCBs, sorry.