LusoRobótica - Robótica em Português

Sistemas específicos => Arduino / AVR => Tópico iniciado por: Njay em 19 de Setembro de 2016, 15:37

Título: Ontem pequei...
Enviado por: Njay em 19 de Setembro de 2016, 15:37
Precisava de fazer piscar um LED e ... usei um microcontrolador (facepalm)
Gastei quase 1€, que é o preço dum ATtiny25, para fazer piscar um LED a partir duma pilha de lítio CR2032. O consumo é baixo e além do LED só levou mais 2 componentes, sendo que o condensador de desacoplamento se calhar nem era preciso. E depois ainda lhe meti um "soft-button" para ligar/desligar. Bom, pelo menos não foi um ATmega168, nem, deus/alá/buda/maomé/etc perdoe, um arduino inteiro. Mas ainda assim sinto-me mal :( , é assim que começa, com chips de 8 patas e 2KB de flash, e quando vamos a ver já tamos a fazer cenas simples em chips de 48 patas e 32KB de flash. Embora seja fácil alterar os timmings, 3s para mudar o código mais 6s para compilar e fazer upload (ah, ainda levou uns headers macho para a ficha do ISP). Imperdoável... passei a noite quase toda a pensar nisto. O que é que hei-de fazer para recuperar a minha paz de espírito :( ?
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: jm_araujo em 19 de Setembro de 2016, 15:57
Como recuperar a paz de espírito:
Se metes um micro, faz "à patrão", 2 exemplos:
- Usas um micro 32 qq com core ARM, mas programas em assembler;

- Metes FPGA e programas em Verilog/VHDL. Sincronizas com uma source de GPS de 1pps para teres um piscar preciso ao ns e sem jitter. E metes tudo numa board dedicada só de 2 layers, ou melhor, montas em deadbug:
(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.chiaki.cc%2FPyxis2010%2Fimages%2Fpyxis2010-fpgasol1.jpg&hash=10053a9bdd33335f3aefc2687b32c830)
(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fwww.tayloredge.com%2Fmuseum%2Fmymuseum%2Felectronics%2Fdeadbug.jpg&hash=340d65dcb7cf1215245672e296db257e)

Consolo extra se implementares o GPS no FPGA: http://www.aholme.co.uk/GPS/Main.htm (http://www.aholme.co.uk/GPS/Main.htm)






Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Njay em 19 de Setembro de 2016, 16:10
Ehhh... pensando melhor, o que eu fiz também não foi assim tão grave ;D
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: artur36 em 19 de Setembro de 2016, 20:02
Nem de propósito ontem era para usar uma fonte de alimentação regulável para alimentar um teclado sem fios porque se me tinham acabado as pilhas AAA...
Como não havia fonte regulável acabei por manter uma solução wireless lol:
(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fuploads.tapatalk-cdn.com%2F20160919%2F795190b414e87f1e625b59d8009e7a63.jpg&hash=a701909f26fb40ac4ecf36883990638f)
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: SerraCabo em 19 de Setembro de 2016, 20:47
Um dos fios escusava ser isolado. Que desperdício.

SC
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: xmatias em 19 de Setembro de 2016, 21:07
Nada de especial, mas quebraram-me o touch do telemovel este verão e não me apeteceu ir a loja só para comprar um cabo OTG..

(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi.imgur.com%2Fn3A1xrn.png&hash=98683ef06a61abc86f660288534267ad)
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Njay em 19 de Setembro de 2016, 23:25
Curti a mola da roupa, és um autêntico MacGyver :)

Num à parte relacionado, por acaso é fácil fazer suportes para pilhas tipo CR2032 directamente em PCB, por exemplo com um bocado de arame galvanizado:
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Sérgio_Sena em 20 de Setembro de 2016, 04:10
Precisava de fazer piscar um LED e ... usei um microcontrolador (facepalm)
Gastei quase 1€, que é o preço dum ATtiny25, para fazer piscar um LED a partir duma pilha de lítio CR2032. O consumo é baixo e além do LED só levou mais 2 componentes, sendo que o condensador de desacoplamento se calhar nem era preciso. E depois ainda lhe meti um "soft-button" para ligar/desligar. Bom, pelo menos não foi um ATmega168, nem, deus/alá/buda/maomé/etc perdoe, um arduino inteiro. Mas ainda assim sinto-me mal :( , é assim que começa, com chips de 8 patas e 2KB de flash, e quando vamos a ver já tamos a fazer cenas simples em chips de 48 patas e 32KB de flash. Embora seja fácil alterar os timmings, 3s para mudar o código mais 6s para compilar e fazer upload (ah, ainda levou uns headers macho para a ficha do ISP). Imperdoável... passei a noite quase toda a pensar nisto. O que é que hei-de fazer para recuperar a minha paz de espírito :( ?


Eh pah, olha, acende uma vela e bebe uma Jeropiga q estah a chegar o Martinho.

Ao menos nao estah a usar Python ou JavaScript num micro, p fazer piscar um LED.


Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Sérgio_Sena em 20 de Setembro de 2016, 04:13
Curti a mola da roupa, és um autêntico MacGyver :)

Num à parte relacionado, por acaso é fácil fazer suportes para pilhas tipo CR2032 directamente em PCB, por exemplo com um bocado de arame galvanizado:


Tavas c pressa p ter a cena a funcionar, hem ;)

Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: TigPT em 20 de Setembro de 2016, 08:35
Acho muito mal não se aproveitar todas boas as ocasiões para usar um N555.

Gostei bastante da mola da roupa a agarrar os contactos à pilha, mas o melhor ainda foi a pilha sem carga só para agarrar o fio no sítio.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: artur36 em 20 de Setembro de 2016, 12:35


Gostei bastante da mola da roupa a agarrar os contactos à pilha, mas o melhor ainda foi a pilha sem carga só para agarrar o fio no sítio.

Well catch
Isto é o que dá só estar em casa ao fim de semana e quase nunca ligar o PC (pesquisas simples, redes sociais e e-mail é tudo no smartphone), quando é preciso é que se detecta os problemas, ou desenrascava qualquer coisa ou tinha de esperar mais uma semana para fazer o que necessitava.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: TigPT em 20 de Setembro de 2016, 13:32
Como eu te compreendo, já estive para comprar um teclado e rato com fios porque sempre que vou usar o pc está sem pilhas.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Njay em 20 de Setembro de 2016, 13:43
A velinha ok, jeropiga é que não pode ser que alcoól é coisa que não entra neste organismo.

Tavas c pressa p ter a cena a funcionar, hem ;)

Pois, até o PCB foi desenhado com caneta, coisa que já não fazia se calhar há mais de 10 anos (e este PCB já foi feito há 8 anos) :D
Mas até acho este suporte mais fixe que um normal, pois os normais têm cada pino a sair pelos extremos e neste os 2 pinos saiem para o mesmo lado.

Quanto ao teclado e rato sem fios, estão mesmo a pedir um mecanismo que gere a energia com a utilização, afinal tamos sempre ali a martelar nas teclas e fazer mexer o rato para um lado e para o outro! Se alguém fizer quero uma pequena comissão pela ideia :P
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: TigPT em 20 de Setembro de 2016, 13:50
Quanto ao teclado e rato sem fios, estão mesmo a pedir um mecanismo que gere a energia com a utilização, afinal tamos sempre ali a martelar nas teclas e fazer mexer o rato para um lado e para o outro! Se alguém fizer quero uma pequena comissão pela ideia :P

Gosto.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: xmatias em 21 de Setembro de 2016, 04:54
Quanto ao teclado e rato sem fios, estão mesmo a pedir um mecanismo que gere a energia com a utilização, afinal tamos sempre ali a martelar nas teclas e fazer mexer o rato para um lado e para o outro! Se alguém fizer quero uma pequena comissão pela ideia :P

Essa tecnologia já existe em switches para casas (provavelmente ja sabiam..), o problema iria ser o espaço no teclado e o preço €€€€€€!
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: samc em 21 de Setembro de 2016, 09:40
Ya é daquelas ideias interessantes como prova de conceito mas pouco viáveis depois a nível comercial
http://www.logitech.com/en-us/product/k750-keyboard (http://www.logitech.com/en-us/product/k750-keyboard)
No caso de um teclado o consumo energético é sempre baixo e a energia fotovoltaica é uma alternativa. No caso de um rato, o consumo é mais elevado e existiria o desafio do sistema que convertesse a energia cinética em eletricidade não interferisse com a experiência de utilizador no manuseamento típico de um rato. Mas novamente era uma ideia interessante de se ver concretizada pelo desafio e "conceito da coisa", isto porque sabemos que comercialmente seria difícil fazer algo competitivo (aliás esse sistema teria de ter uma bateria de apoio, por mais uns cêntimos aumenta-se a capacidade da bateria e coloca-se um ic para controlar o carregamento e uma ficha USB e está um rato sem fios feito com autonomia para mais de um mês).

Mas voltando ao tópico, já me ri bastante com o que li aqui, depois tenho de comentar esse sacrilégio do njay
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Hugu em 22 de Setembro de 2016, 23:01
Quanto ao teclado e rato sem fios, estão mesmo a pedir um mecanismo que gere a energia com a utilização, afinal tamos sempre ali a martelar nas teclas e fazer mexer o rato para um lado e para o outro! Se alguém fizer quero uma pequena comissão pela ideia :P
isso é facil, basta meter um piezzo em cada tecla e qto mais teclares mais carregas o teclado..tb nao sei porque nao ainda nao inventaram teclados assim!? ah é o lobby das pilhas! :P
p.s.: nos ratos era facil, era meter aquele sistema dos relogios sem pilhas.. (esta ideia é minha!  8))
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: jm_araujo em 22 de Setembro de 2016, 23:47
No caso de um rato, o consumo é mais elevado

Nunca usaste um Logitech.
Tenho um M705 apropriadamente chamado Marathon, 3 anos com 2 AA em paralelo (funciona só com 1).
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: senso em 23 de Setembro de 2016, 02:33
Um rato é basico, um rato de bola, numa ponta tem os encoders e na outra ponta dos veios leva um micro-motor a fazer de gerador.
O teclado, se for por piezos, seriam bem mais simples usar dois, onde?
Patas traseiras para o levantar, o piezo faz de pé.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: samc em 23 de Setembro de 2016, 08:05
Por acaso o rato que estou a usar de momento é um rato Bluetooth barato (já que o meu rato com fios está com um comportamento errático - perde a seleção esporadicamente quando mexo o rato o que é muito chato quando quero selecionar um bloco de texto) e preciso de carregar as pilhas AAA velhinhas muito frequentemente (menos de 1 mês). Já com um Apple Magic Mouse as pilhas não duravam muito tempo.
Mas é sempre bom saber que os Logitech são diferentes!
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: jm_araujo em 23 de Setembro de 2016, 10:51
perde a seleção esporadicamente quando mexo o rato o que é muito chato quando quero selecionar um bloco de texto

É o microswitch do botão que está sujo. Os que conheço dão para abrir sem os retirar da placa, fazes umas tiras de papel finas (de um A4 limpo), metes no meio dos contactos, fechas os mesmos e puxas o papel para limpar e repetes com tiras diferentes 2 ou 3 vezes ou até sair sem resíduos. Tudo com muita delicadeza!!!
Depois é só fechar e ficas com um rato novo ;)
Aspeto da coisa:
(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi.stack.imgur.com%2FxTenF.jpg&hash=e5366a25837fc8225d6970bdd41f5b0d)
(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi.stack.imgur.com%2FFCJML.jpg&hash=cb70e30bd06e5a35b8ac02ab203c37c0)
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: senso em 23 de Setembro de 2016, 14:27
Ou compras switches omron super gaming do ebay por 2-3€ trocas os switchs todos e siga.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: samc em 23 de Setembro de 2016, 16:16
Ou compras switches omron super gaming do ebay por 2-3€ trocas os switchs todos e siga.
Aí saímos deste offtopic e voltávamos ao tema original... Era um "pecado" meter esses switches num rato que me custou 2.9 $ USD  :P

(https://lusorobotica.com/proxy.php?request=http%3A%2F%2Fi.ebayimg.com%2Fimages%2Fg%2FL54AAOSwLa9UVy88%2Fs-l500.jpg&hash=cff4b15639ef80e082c834484fedcccd)

Muito obrigado jm_araujo, tenho de te pagar um café  ;)

Limpei os contactos com lixa 900 e para já parece funcionar... só dá para ter certeza após algum tempo de teste já que isto só acontecia talvez em 1 de cada 20 vezes que selecionava texto (dependendo dos dias)!

Não coloquei WD-40, mas aproveito este tópico para fazer a questão: qual é a vossa opinião sobre colocar WD-40 nos contactos eléctricos de um switch?
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: senso em 23 de Setembro de 2016, 16:45
WD40 tem óleo, óleo não é de todo um bom condutor elétrico.
WD40 é bom é para meter parafusos e porcas de molho e mesmo assim á óleos penetrantes mil vezes melhores.
Não é um desengordurante porque tem gordura, não é lubrificante porque tem pouca gordura/óleo para servir para isso.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: jm_araujo em 23 de Setembro de 2016, 17:21
O WD de WD40 vêm de "Water Displacement". É apregoado como um produto milagroso, mas com a experiência acho que a única utilidade que têm é para lavar peças com óleo e massas consistentes velhos e vestígios de autocolantes. "Derrete" tudo e por causa da sua função original deixa um filme gorduroso que dá alguma (pouca) proteção. Também serve como óleo penetrante, mas prefiro força e/ou calor para essa finalidade.

Para outros usos, principalmente lubrificante, tens 1001 produtos melhores dependendo da aplicação.

Para contactos nem pensar, o filme oleoso que deixa vai agarrar qq poeira ou lixo que por lá passar!

Limpei os contactos com lixa 900 e para já parece funcionar.

Lixa não :( !!! Tira o banho dourado (ou lá do que é) que tinha o contacto, e diminui em muito a sua longevidade (=tempo até voltar a ter de limpar). No meu post original recomendei papel porque agarra bem o lixo e vê-se a sujidade que saí, e é o suficientemente abrasivo para esse género de limpezas. E sim, sei o que disse, o papel normal é abrasivo (mas pouco, o que por vezes é desejável)  ;)

Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: samc em 23 de Setembro de 2016, 20:15
Obrigado pelas respostas, nunca coloquei wd 40 por ter essas reservas sobre esse produto, mas sempre tive curiosidade em saber se as propriedades "milagrosas" do produto eram boas para limpar contactos elétricos.

Pois jm_araujo... já fui  :'( para a próxima já vou ter outros cuidados ao limpar contactos elétricos.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Hugu em 24 de Setembro de 2016, 03:01
Obrigado pelas respostas, nunca coloquei wd 40 por ter essas reservas sobre esse produto, mas sempre tive curiosidade em saber se as propriedades "milagrosas" do produto eram boas para limpar contactos elétricos.

Pois jm_araujo... já fui  :'( para a próxima já vou ter outros cuidados ao limpar contactos elétricos.
tenho uma coleção grande de micro switches de ratos dos grandes e dos pequenos..qdo precisares algum apita :P
Pra limpar contactos electricos: alcool isopropilico com ar comprimido ou sem :P
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: senso em 24 de Setembro de 2016, 19:37
O WD de WD40 vêm de "Water Displacement". É apregoado como um produto milagroso, mas com a experiência acho que a única utilidade que têm é para lavar peças com óleo e massas consistentes velhos e vestígios de autocolantes. "Derrete" tudo e por causa da sua função original deixa um filme gorduroso que dá alguma (pouca) proteção. Também serve como óleo penetrante, mas prefiro força e/ou calor para essa finalidade.

Para outros usos, principalmente lubrificante, tens 1001 produtos melhores dependendo da aplicação.

Para contactos nem pensar, o filme oleoso que deixa vai agarrar qq poeira ou lixo que por lá passar!

Limpei os contactos com lixa 900 e para já parece funcionar.

Lixa não :( !!! Tira o banho dourado (ou lá do que é) que tinha o contacto, e diminui em muito a sua longevidade (=tempo até voltar a ter de limpar). No meu post original recomendei papel porque agarra bem o lixo e vê-se a sujidade que saí, e é o suficientemente abrasivo para esse género de limpezas. E sim, sei o que disse, o papel normal é abrasivo (mas pouco, o que por vezes é desejável)  ;)

Finalmente alguem com a mesma ideologia..
wd40 para mim só serve para lavar peças..
E para regar as fresas quando ando a escavar aluminio, para isso serve muito bem, agora lubrificar nunca na vida, e mesmo para o suposto uso dele, é meh..
Vale a pena por ser baratucho na aldeia.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Hugu em 25 de Setembro de 2016, 16:19
Finalmente alguem com a mesma ideologia..
wd40 para mim só serve para lavar peças..
E para regar as fresas quando ando a escavar aluminio, para isso serve muito bem, agora lubrificar nunca na vida, e mesmo para o suposto uso dele, é meh..
Vale a pena por ser baratucho na aldeia.
tb nem oito nem oitenta, se fosse tao meh nao o usavas nem o tinhas comprado :P
n entrando em polémica ou a querer defender o diabo, mas o produto é um recordista de vendas, pode servir pra muita coisa ou nem servir pra nada, claro que ha mil produtos proprios e mais indicados para as varias aplicações ou usos que as pessoas dão ao WD40, mas como produto patenteado (claro que isso nao quer dizer que é bom) é um recordista de vendas e eu só tenho pena nao ser um sócio da empresa! :P Claro que la por ter vendas nao quer dizer que seja bom, os americanos sabem publicitar bem os produtos deles.. pode nao ser bom para muitas coisas, mas as pessoas compram e usam-no pra mtas coisas.. e pelo que sei, aquilo teve mta investigação e só à 40ª tentativa é que acharam ter encontrado a formula secreta.. é como o canivete suiço, aquilo é uma porcaria para as funçoes que é suposto servir, mas pronto dá pra desenmerdar em qq situação, porque ninguem anda sempre com as ferramentas atrás das costas..
Eu por acaso tenho, alem de outros, uso-o pra afrouxar parafusos quando estao muito perros e onde outras soluções alternativas de desaperto nao sao hipoteses validas (calor, corrosivos..), pra situações de ligeira lubrificação, anti-oxidações e repelente de agua.. Em trabalhos mais tecnicos ou profissionais, ha sprays melhores e mais indicados, e tb bem mais caros.

Limpei os contactos com lixa 900 e para já parece funcionar... só dá para ter certeza após algum tempo de teste já que isto só acontecia talvez em 1 de cada 20 vezes que selecionava texto (dependendo dos dias)!
essa parte foi uma asneira, deste cabo do revestimento que evita oxidações dos contactos, agora vais ter "avarias" com mais frequencia e serás obrigado a lixar cada vez mais os contactos porque agora vao ganhar oxidações, na vez de pó..
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: dropes em 27 de Setembro de 2016, 14:45
Tudo o que é contacto não leva químicos, desde escovas do motor assim como interruptores, potenciómetros e afins, se há um spray para limpar os contactos, depois deverá ser removido qualquer vestígio para que não isole.

Os platinados e bornes de bateria dos carros também não levam nada e o que levar será para evitar a corrosão.

Já experimentei colocar spray em motores e a seguir ter de os abrir para limpar, os potenciómetros de som também se conseguem limpar temporariamente com um spray desses, funcionam bem por uns tempos e voltam ao mesmo.

ps: Njay... shame on you  :P
se o temporizador é para precisão então um attiny fica aprovado, de outra forma temos o 555
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: senso em 27 de Setembro de 2016, 16:47
Custa mais os condensadores á volta do 555 que custa um micro actualmente lol..
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Njay em 27 de Setembro de 2016, 21:40
Os condensadores não, mas a ir para um 555 teria que ser um 7555 (o dispositivo está alimentado por uma CR2032), e esse só custa menos 0,23€ (menos uns 0,12€ se considerarmos as resistências, cap e diodos necessários) do que me custou o attiny25 (que tem uma flexibilidade brutal face ao 7555, como é óbvio).

É impressão minha, ou os attiny aumentaram bastante de preço recentemente? Comprei na mouser há uns 2 ou 3 anos attiny25 por 0,87€ e agora estão a 1,06€ para o mesmo modelo e quantidade... será que é assim que a microchip quer acabar com os AVR?
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: senso em 28 de Setembro de 2016, 01:31
Yup, tudo o que é Atmel disparou de preço..
Comprei Atmegas RFR por 6€, estão a 10€ cada, yay....
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Njay em 28 de Setembro de 2016, 14:44
Fluck, não quero ir programar PICs...
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: senso em 28 de Setembro de 2016, 15:38
Provavelmente PSoC's, ou TI's, ainda agora aproveitei a promo de uma dev board por 14€ com licença completa o CodeComposer.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: jm_araujo em 28 de Setembro de 2016, 16:44
Com Cortex-M0 a rondar 1 € da Freescale, ST, Silicon Labs, Cypress, etc e com developement boards a preços parvos (muitas abaixo dos 10€, algumas ainda melhores: http://www.digikey.com/product-detail/en/cypress-semiconductor-corp/CY8CKIT-049-42XX/428-3344-ND/4805328 (http://www.digikey.com/product-detail/en/cypress-semiconductor-corp/CY8CKIT-049-42XX/428-3344-ND/4805328)),  opções não faltam, o difícil é escolher.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: senso em 28 de Setembro de 2016, 17:02
O meu atrofio com ARM's é o clock distribuition que com registos é um cluster fuck, com o CMSIS é meio giga de código para virar 3 bits..
Quando os senhores têm um log num módulo CMSIS para definir bits para um timer...
Isso e o á vontade com os atmegas, mas para PIC's é que nunca, bahhhhhhhhh
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: KammutierSpule em 28 de Setembro de 2016, 19:57
O meu atrofio com ARM's é o clock distribuition que com registos é um cluster fuck, com o CMSIS é meio giga de código para virar 3 bits..
Quando os senhores têm um log num módulo CMSIS para definir bits para um timer...

Tens um exemplo concreto para mostrar?
Por acaso, de momento nao tenho aqui rapidamente nenhum SDK instalado para verificar as tuas palavras :)

Essencialmente, e nao e' novo nos MCUs q usam ARM ou outros, existe actualmente muita flexibilidade de uso de clocks, de modo a que a melhor poupanca de energia posssa ser feita ou flexibilidade de velocidades de CLK etc.

Por isso, todos os perifericos que tem de ser usados, tem de ser feito o enable do CLK nesse periferico. sera algo do genero:

activarclock(CLK_ADC);

Por acaso nao estas a confundir o CMSIS com as bibliotecas (de perifericos) do vendor?

Em algumas situacoes, para alterar bits de configuracoes, as bibliotecas do vendor, criam uma funcao de logica de utilizacao. (exemplo, algo do genero: para alterar um bit e' necessario primeiro ler o registo todo antes de o alterar ou fazer algo em relacao a outro registo)

Geralmente as bibliotecas dos vendors sao mt complexas e em alguns casos overkill (como dizes). Eu quando usei em algumas situacoes em que escolhi usar um uC com pouca memoria, fiz uma framework em que para funcionalidades basicas desenvolvi os meus drivers (baseado nessas bibliotecas) em que simplifico o setup (por exemplo de uma UART).
De outro modo, usando essas bibliotecas do vendors, se seguirmos os exemplos deles, fazer qualquer coisita de inicializar um periferico, sao Kbytes de memoria so para isso! (e estou a falar mesmo em release mode!)

Isto a meu ver, so eh importante em duas situacoes: quando tens que poupar espaco (o meu caso) ou quando o codigo dessas bibliotecas cria muito overhead num algoritmo (ou um bottleneck)
Nesse caso nao se podem usar as bibliotecas do vendor..


Os uC 8bits sao mais simples, menos registos, menos opcoes, logo mais simples de entender e rapidamente trabalhar em "tweek mode" directamente mechendo no "core".


Agora, para finalizar, se o vosso problema com os vossos projectos e' o ARM ou o boneco azul do atmega ou "a PIC" .. entao ha ai qq coisa mal nisso... porque o problema devia ser desenvolver a aplicacao do projecto.
Os microcontroladores / CPUs servem para correrem uma aplicacao de determinado projecto e nao como "plataforma de exploracao de arquitecturas digitais"
Por isso, ou os vossos projectos sao muito simples e tem mais trabalho a configurar o hardware / microcontrolador / periferico do que em desenvolver a aplicacao ou/e se calhar o uC que selecionaram e' demasiado complexo para voces ou para a aplicacao a que se destina.

Facam uma escolha adequada ao target.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Njay em 28 de Setembro de 2016, 23:29
Nem todos os projectos são grandes.... como se pode ver pelo assunto inicial do tópico :P

O AVR é fácil de programar, tem um compilador extremamente fácil de usar e gratuito sem qualquer tipo de restrição (incluindo utilização comercial do código gerado), além de que não exige o último Windows, hw, nem me obriga a usar um IDE (muito menos um que dá dores de cabeça). Tem chips de 8 patas em SMD e TH, e talvez até mais pequenos, e que podem correr directamente duma CR2032 sem mais nenhum componente, e tanto pode ser a 128KHz como a 8MHz. (Ainda) Há chips por menos de 1€. A execução de código dum AVR é extremamente preditiva, isto é, não há latências difíceis de prever.

Arrangem-me alternativas ARM ou outra coisa qualquer a isto. Dispenso PICs e MSP430 (até porque não cumprem os requisitos).

Update: mais um, protocolo de programação do chip documentado.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Hugu em 29 de Setembro de 2016, 00:27
mas afinal qual é o melhor? o IOS ou o Android!?  ;D
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: TigPT em 29 de Setembro de 2016, 12:30
mas afinal qual é o melhor? o IOS ou o Android!?  ;D
O Hugo a puxar uma flame war :P

São ambos bons e ambos maus em coisas diferentes, o que interessa é cada pessoa encontrar o que é melhor para sí.

PS - Não existia também Windows Mobile e BlackBerry?
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: KammutierSpule em 29 de Setembro de 2016, 13:04
(Ainda) Há chips por menos de 1€. A execução de código dum AVR é extremamente preditiva, isto é, não há latências difíceis de prever.
Arrangem-me alternativas ARM ou outra coisa qualquer a isto.

Nota a minha resposta e' apenas para esclarecimentos, nao estou a suportar a escolha ou posicao relativa ah determinada opcao.
O melhor e' o que cumpre melhor os vossos requisitos!

<1€ @1Qty
http://pt.mouser.com/Todos-os-fabricantes/_/N-0Zscv7?Keyword=EFM32&Ns=Pricing%7c0&FS=True (http://pt.mouser.com/Todos-os-fabricantes/_/N-0Zscv7?Keyword=EFM32&Ns=Pricing%7c0&FS=True)
Os outros fabricantes tem ~1€ para quantidades >10

"latências difíceis de prever"
- A arquitectura do ARM e' RISC, logo a maior parte das instrucoes e' executada em 1 ciclo.
As outras (eg: jumps, ou multiplicacoes / divisoes) podem ter mais, mas estao todas tabeladas.

Podes ter em alguns casos problemas "de predictibilidade" na activacao dos pinos, que os diferentes vendors tem opcoes diferentes no acesso.
Mas isto nao 'e por si uma limitacao por si, mas 'e uma feature da natureza das arquitecturas.
Por outras palavras, isto e' o conhecido problema de implementar o Bitbanging nestas arquitecturas.

Se precisam de implementar algo bitbanging, tem de ter atencao a esse aspecto ao escolher o uC a ver se suporta directamente no hardware a escrita dos pinos em 1 intrucao.
Se calhar um uC de 8bits e' mais indicado para essa tarefa.


Update: mais um, protocolo de programação do chip documentado.

Tenho visto ultimamente as companhias a disponibilizar o protocolo de programacao do chip.
Alias, a maior parte dos vendors no caso do ARM usa JTAG e/ou SWD. (nao estou certo se depois ha necessidade de haver informacao especifica do uC, mas, ha varios programadores a suportar varios vendors).
Logo para programar / debuggar nao e' necessario um equipamento / protocolo vendor specific.

Neste aspecto, na minha opiniao, tanto ATMEL como Microchip ficaram muito "presas ao tempo" nos teus programadores e debugers.
Os debugers vendor specific AVR ice e o ICDx ... e o respectivo preco.

Por exemplo:
O debugger oficial da ARM: ATMEL-ICE-BASIC custa 87€ (mouser) - O ATMEL-ICE custa 124€
O debugger oficial da Microchip: MPLAB ICD3 custa 191€ (mouser)
O debugger oficial da ST (que da para JTAG, SWD, STM32 e STM8bits) custa 19€ (mouser)
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Njay em 29 de Setembro de 2016, 14:58
(Ainda) Há chips por menos de 1€. A execução de código dum AVR é extremamente preditiva, isto é, não há latências difíceis de prever.
Arrangem-me alternativas ARM ou outra coisa qualquer a isto.
(...)

Alternativas que cubram todos os pontos que mencionei, não apenas o preço e a predictibilidade na execução.

As pessoas tendem a olhar para "8biters" como coisa velha, o ARM com 32bits é que é... e esquecem-se que um ARM é uma máquina bastante mais complexa do ponto de vista do utilizador (programador). "Mais" não é obrigatoriamente "melhor".
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Hugu em 29 de Setembro de 2016, 16:09
Alternativas que cubram todos os pontos que mencionei, não apenas o preço e a predictibilidade na execução.

As pessoas tendem a olhar para "8biters" como coisa velha, o ARM com 32bits é que é... e esquecem-se que um ARM é uma máquina bastante mais complexa do ponto de vista do utilizador (programador). "Mais" não é obrigatoriamente "melhor".
E o que entendes por melhor? o "melhor" para ti pode nao ser o melhor para outros, além do mais, se nao fosse uma evolução, e se houve uma evolução é porque houve uma necessidade, e porque os antecessores nao cumpriam certos requisitos. Além do mais se fosse uma alternativa, ja à mto tempo tinham cancelado a produção dos mais antigos, logo ninguem veio substituir ninguem e cada um continua a ser usado para cada situação.

E se os debuggers sao ainda algo caros é porque existe mercado, ha quem aposte mais na industria que aposte nos consumidores directos.

TigPT: lol nao foi uma pergunta, foi uma retórica com altos tons de ironia, porque num assunto nada haver, acabou-se mais uma vez num prós-e-contras entre os atmegas e os pics (tb se nao era nisto, era  arduino vs bananas) :P

p.s.: o que adoraria ver era um prós-e-contras da fatima campos ferreira, sobre estes assuntos! :)
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: KammutierSpule em 29 de Setembro de 2016, 20:42
"Mais" não é obrigatoriamente "melhor".

E o que entendes por melhor? o "melhor" para ti pode nao ser o melhor para outros

O melhor e' o que cumpre melhor os vossos requisitos!

Eu vejo este assunto muito simples:
Requisitos diferentes -> escolhas / preferencias diferentes

Importante fazer escolhas adequadas aos diferentes requisitos e que essas escolhas sejam informadas.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Njay em 30 de Setembro de 2016, 00:47
Completamente de acordo.

Só igualmente para esclarecer, eu também uso (não para substituir um attiny) ARMs (na verdade apenas uma linha), PICs* é que não :P (o Sena se lê isto é que ainda fica chateado :D).


* de 8bits
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Sérgio_Sena em 30 de Setembro de 2016, 12:40
Completamente de acordo.

Só igualmente para esclarecer, eu também uso (não para substituir um attiny) ARMs (na verdade apenas uma linha), PICs* é que não :P (o Sena se lê isto é que ainda fica chateado :D).


* de 8bits


Pcheee.... tenho as minhas preferencias, mas nao sou FAN-BOY.

Tanto q nos ultimos anos tenho estado mais c ARM do q com PIC.
E se querem saber qual ARM: Gecko e STM32


@NJAY, a NXP tem ARM M0+ c 8 pinos, salvo erro. Baratuxos mesmo.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: senso em 30 de Setembro de 2016, 14:17
Possivel aquisição da NXP pela Qualcomm, metia a NXP on hold por enquanto, se a coisa é finalizada, preços vão subir, NDA's vão ser prato do dia e datasheets ainda mais ranhosas..
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Sérgio_Sena em 30 de Setembro de 2016, 16:45
Possivel aquisição da NXP pela Qualcomm, metia a NXP on hold por enquanto, se a coisa é finalizada, preços vão subir, NDA's vão ser prato do dia e datasheets ainda mais ranhosas..

Yes tb li essa noticia, nao me tinha lembrado qd respondi hoje.

Talvez procurar por SSOP10 ou QFN10 em outros fabricantes.

Com tao poucos pinos, a nao ser q se precise mesmo de 32bits, mais vale ir p 8bit q se faz o mesmo por $0.50 ou menos.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: senso em 30 de Setembro de 2016, 18:22
Este mundo está a ficar reduzido a uma mão cheia de fabricantes  :-\
Mesmo pequenas quantidades acaba por ser basicamente cada fabricante especializado em X e depois é preços de matar.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: jm_araujo em 30 de Setembro de 2016, 19:57
Acho que não só por uma razão: China

Basta ver o que se passa com o ESP8266 Se tivesse mais e melhor I/O então é que era  (falha que supostamente o ESP32  repara).

Se o mercado dos 8bits começar a ficar sem micros baratos aposto que alguma empresa chinesa toma conta disso, apesar que as arquiteturas que favorecem serem menos populares por cá (STM8 e derivados do 8051)
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: Hugu em 30 de Setembro de 2016, 21:55
O melhor e' o que cumpre melhor os vossos requisitos!

Eu vejo este assunto muito simples:
Requisitos diferentes -> escolhas / preferencias diferentes

Importante fazer escolhas adequadas aos diferentes requisitos e que essas escolhas sejam informadas.
Não é assim tao simples. É tudo uma questão de balanços, entre prós e contras com as questões monetárias sendo a principal fatia para a decisão final.
Duas empresas/pessoas com dois problemas iguais, podem ter escolhas diferentes.
Título: Re: Ontem pequei...
Enviado por: KammutierSpule em 02 de Outubro de 2016, 21:20
O melhor e' o que cumpre melhor os vossos requisitos!

Eu vejo este assunto muito simples:
Requisitos diferentes -> escolhas / preferencias diferentes

Importante fazer escolhas adequadas aos diferentes requisitos e que essas escolhas sejam informadas.
Não é assim tao simples. É tudo uma questão de balanços, entre prós e contras com as questões monetárias sendo a principal fatia para a decisão final.
Duas empresas/pessoas com dois problemas iguais, podem ter escolhas diferentes.

"questoes monetarias" - fazem parte dos requisitos (eg: preco... availability)
Os problemas podem ser iguais, mas os requisitos diferentes.. e preferencias diferentes...