collapse

* Links de Robótica

* Posts Recentes

Compra colectiva seeedstudio por beirao
[15 de Dezembro de 2017, 23:06]


Robot Wars International Special por beirao
[12 de Dezembro de 2017, 22:52]


Docker por nnr
[12 de Dezembro de 2017, 13:41]


Comprar transformador de +/-12Volts por jm_araujo
[12 de Dezembro de 2017, 10:16]


Embedded World 2018 por KammutierSpule
[12 de Dezembro de 2017, 09:05]


Esquema Fonte Bancada por almamater
[12 de Dezembro de 2017, 08:13]


Meu projecto - Arm Robot com arduino por Diogo Bento
[11 de Dezembro de 2017, 23:18]


Ajuda Projecto IR / RF por dio123
[09 de Dezembro de 2017, 10:53]


Drivers Arduino UNO! por dio123
[09 de Dezembro de 2017, 10:46]


Problema em converter codigo C arduino para C + Pigpio na raspberry por vasco
[08 de Dezembro de 2017, 19:22]

Autor Tópico: 1GB de disco rígido: de 10 milhões de dólares (1950) a 9 cêntimos (2010)  (Lida 4664 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Tayeb

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 703
De 10 milhões de dólares para 9 céntimos, o preço de 1GB de disco rígido desde 1950

Fonte http://t.co/lSMbqF0MoR - veja também o mapa interativo

Em anexo: gráfico de preços por anos

Offline dropes

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 1.931
Colocar no bolso 1GB em 1950 deveria ser desconfortável como tudo...

Estive a ver uns documentários sobre a evolução dos computadores.
Segundo a lei de Moore (fundador da Intel), a densidade dos CPUs iria dobrar a cada ano, embora seja actualmente 18 meses.

Chegámos a um ponto em que já não é possível aumentar a velocidade sem entrar no mundo molecular, daí os multi-cores, pois a densidade para este feito entraria em interferências dado a proximidade de pistas.

A pesquisa está a ser realizada em computadores quânticos, muitos vídeos vi sobre isso, o objectivo não será aumentar a velocidade mas sim o nº de núcleos a trabalhar em simultâneo, isto a uma densidade atómica sem interferências.

Pelo que dei conta ainda faltará muito para se ter algo físico, ok, temos um transístor mas que só trabalha numa câmara isenta de interferências RF, por isso creio que ainda vamos ter vários anos de silício...

Offline senso

  • Global Moderator
  • Mini Robot
  • *****
  • Mensagens: 9.404
  • Helpdesk do sitio
Mas actualmente temos potência de processamento que é uma coisa estupida, o problema é que fazer imprimir hello world num terminal precisamos de 3Gb de RAM, 300 bibliotecas, e 20 linguagens de programação, sem esquecer os 5 cores que é preciso usar  ::)
Avr fanboy

Offline jm_araujo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 2.181
  • NERD!
https://youtube.com/watch?v=CBjoWMA5d84

US$250000 por 2/4GB em 1980.

Offline Tayeb

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 703
Colocar no bolso 1GB em 1950 deveria ser desconfortável como tudo...



No meu tempo de estudante nos meados da década de 70s ainda era desconfortável colocar no bolso, mesmo impossível. Mesmo quando aparecer os primeiros IBM compatíveis não era nada confortável meter no bolso 1GB de disco rígido no bolso. O mundo da eletrónica mudou mesmo!

Offline Tayeb

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 703
O IBM 350 armazenava 5 milhões de carateres de 6-bit (3.75 MB). A caixa tinha 152 cm de comprimentos, 172 cm de altura e 74 cm de largura. Pesava uma tonelada e era fornecido em dois carregamentos de avião transportador.

A imagem mostra 2 unidades de IBM 350 (cortesia da Wikipedia):


Offline LuísR.A.

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 1.223
    • Clube de Robotica
Mas actualmente temos potência de processamento que é uma coisa estupida, o problema é que fazer imprimir hello world num terminal precisamos de 3Gb de RAM, 300 bibliotecas, e 20 linguagens de programação, sem esquecer os 5 cores que é preciso usar  ::)

Depedendo do que estejas falar (caso contrario é exagero a mais) concordo.
Imagina quando for isso para piscar LEDs?



Tiva MCU é que é.

Tutoriais Tiva+codigos exemplo:
https://sites.google.com/site/luiselectronicprojects/

Offline senso

  • Global Moderator
  • Mini Robot
  • *****
  • Mensagens: 9.404
  • Helpdesk do sitio
Com Arduino?
1k não chega para fazer um blinky com delays, em C no avrstudio, 300 bytes, sendo que 184 bytes é o minimo para fazer o init da ram e afins para C funcionar, em assembly, o minimo são 4 bytes se não estou em erro, se abusares da coisa e simplesmente fizeres toggle dos pull-ups, 2 bytes/1 instrução.
Com um ARM já vi CRT's com mais de 1Kb, mas é compreensivel, são bichinhos bem mais complexos.
Avr fanboy

Offline LuísR.A.

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 1.223
    • Clube de Robotica
Opá faz-me um confusão algumas cenas que me deparo com arduino -.-
Eu uso bibliotecas neh, aquelas de abstração mais baixas.

Olha o blinky num SMT32F0, o template que uso mete logo mais cenas extras (clock ao máximo, timer a fazer delays, alguns ISRs) mas prontos isso é o normal:
  1 644 bytes of readonly  code memory
     28 bytes of readonly  data memory
  1 032 bytes of readwrite data memory

Mas prontos acho que isto é um "luxo" que já se pode dar nestas maquinas e o tempo ganho acho que vale a pena.



Tiva MCU é que é.

Tutoriais Tiva+codigos exemplo:
https://sites.google.com/site/luiselectronicprojects/

Offline senso

  • Global Moderator
  • Mini Robot
  • *****
  • Mensagens: 9.404
  • Helpdesk do sitio
Agora experimenta compilar com o main vazio, simplesmente um loop while(1) sem nada, vais ver que maior parte é inicialização de stack's e afins, ou seja, código que é sempre preciso, porque o blink são meia duzia de bytes com toda a certeza.
Avr fanboy

Offline LuísR.A.

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 1.223
    • Clube de Robotica
Isso é de certeza senso.
Tiva MCU é que é.

Tutoriais Tiva+codigos exemplo:
https://sites.google.com/site/luiselectronicprojects/