collapse

* Posts Recentes

Como calcular bobina por senso
[Hoje às 11:57]


Substituir um 78xx por um switching regulator ? por senso
[Hoje às 11:55]


Proteções gerais de um circuito por jm_araujo
[Hoje às 11:41]


leitura de voltagens com o analogRead(A0) por Njay
[Ontem às 15:29]


Kit Completo Robô Inmoov 299€ por aldricnegrier
[Ontem às 13:39]


BostonDynamics - Vai uma mãozinha? por josecarlos
[14 de Outubro de 2018, 19:44]


PCB de passadeira por vasco
[13 de Outubro de 2018, 16:00]


Proteção contra reverse voltage por Njay
[12 de Outubro de 2018, 10:04]


Bus I2c necessita de pullups ? por vasco
[11 de Outubro de 2018, 18:15]


Circuito básico do 7805 por jm_araujo
[09 de Outubro de 2018, 10:33]

Autor Tópico: Plataforma Fritzing  (Lida 1811 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline LVirtual

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 472
  • http://www.s-tronika.com
    • S-Tronika - Serviços Técnicos de Electrónica
Plataforma Fritzing
« em: 25 de Janeiro de 2018, 12:41 »
Alguem ja conhece esta plataforma de desenvolvimento?

http://fritzing.org/home/

Descobri hoje, tenho estado a experimentar com um exemplo tirado da net.

Extremamente facil e intuitiva para desenhar circuitos para o arduino (tambem trabalha com PICAXE).
E tem tudo no mesmo IDE, desenho do pcb, desenho do esquema e desenho das ligaçoes em breadboard.
Com auto-router tanto no esquematico como no pcb (depois de routeadas as pistas e linhas ficam um bocado estupidas, mas é bastante facil de as corrigir).

Alem de ter uma grande comunidade a fornecer projectos opensource.

Quanto a mim é 5 estrelas esta plataforma.
"O defeito mais grave dos humanos, aquele que coloca mais obstáculos à sua evolução, é a crença profundamente arreigada na infalibilidade dos seus raciocínios e dos seus pontos de vista."

Online jm_araujo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 2.402
  • NERD!
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #1 em: 25 de Janeiro de 2018, 13:08 »
É fixe para fazer diagramas.
Para PCBs é a origem dos maiores abortos que já vi, não passa de um brinquedo. Desenhar PCBs sem DRC/ERC é para esquecer.
« Última modificação: 25 de Janeiro de 2018, 13:20 por jm_araujo »

Offline Njay

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 3.364
    • Tróniquices
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #2 em: 25 de Janeiro de 2018, 13:32 »
A última vez que vi, já há uns anos, confesso, era mau e um criador de péssimos hábitos, desaconselho a iniciantes.

Offline LVirtual

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 472
  • http://www.s-tronika.com
    • S-Tronika - Serviços Técnicos de Electrónica
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #3 em: 25 de Janeiro de 2018, 14:17 »
Pois, nao sei...
Pode entretanto ja ter evoluido e agora estar melhorzinha.

è mais intuitiva a editar pcbs do que a maior parte das plataformas pagas que tenho experimentado.
Pareceu-me mas ainda nao confirmei ser um pouco limitada nalgumas funcionaldiades.
Fui utilizador do TangoPCB durante muitos anos e ainda tenho em memoria os atalhos de teclado todos
raramente usava o rato para algo diferente de desenhar as pistas e inserir componentes.
Tenho a plataforma da Altium e em termos de integraçao dos diversos tipos de documentos inerentes
a um projecto de electronica parece-me bem mais complexa e dificil de operar...

No Fritz actualiza-se tudo em simultaneo...
Para alem de permitir editar o firmware do arduino na mesma plataforma...
Pode nao permitir grandes voos mas parece-me minimamente aceitavel para iniciantes no arduino...
« Última modificação: 25 de Janeiro de 2018, 14:19 por LVirtual »
"O defeito mais grave dos humanos, aquele que coloca mais obstáculos à sua evolução, é a crença profundamente arreigada na infalibilidade dos seus raciocínios e dos seus pontos de vista."

Offline LVirtual

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 472
  • http://www.s-tronika.com
    • S-Tronika - Serviços Técnicos de Electrónica
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #4 em: 25 de Janeiro de 2018, 14:20 »
A última vez que vi, já há uns anos, confesso, era mau e um criador de péssimos hábitos, desaconselho a iniciantes.

a que habitos te referes?
"O defeito mais grave dos humanos, aquele que coloca mais obstáculos à sua evolução, é a crença profundamente arreigada na infalibilidade dos seus raciocínios e dos seus pontos de vista."

Offline Njay

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 3.364
    • Tróniquices
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #5 em: 25 de Janeiro de 2018, 15:22 »
Tudo ao molho e fé em deus :)
O facto de permitir fazer um diagrama de montagem de componentes numa breadboard sem um esquema por trás é péssimo, depois tens o pessoal a pedir ajuda nos fóruns e o que tem para mostrar é a salganhada de fios do diagrama em vez de um esquema sobre o qual se pode raciocinar facilmente... o próprio esquema com linhas directas pino a pino fica um nojo que não se entende. Quando vejo um pedido de ajuda com um desses diagramas penso "boa sorte!" e sigo em frente.

Offline LVirtual

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 472
  • http://www.s-tronika.com
    • S-Tronika - Serviços Técnicos de Electrónica
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #6 em: 25 de Janeiro de 2018, 15:45 »
Tudo ao molho e fé em deus :)
O facto de permitir fazer um diagrama de montagem de componentes numa breadboard sem um esquema por trás é péssimo, depois tens o pessoal a pedir ajuda nos fóruns e o que tem para mostrar é a salganhada de fios do diagrama em vez de um esquema sobre o qual se pode raciocinar facilmente... o próprio esquema com linhas directas pino a pino fica um nojo que não se entende. Quando vejo um pedido de ajuda com um desses diagramas penso "boa sorte!" e sigo em frente.

Ya, compreendi-te ;)
tambem me dá voltas ao estomago alguns diagramas que vejo por ai.
"O defeito mais grave dos humanos, aquele que coloca mais obstáculos à sua evolução, é a crença profundamente arreigada na infalibilidade dos seus raciocínios e dos seus pontos de vista."

Offline vasco

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 281
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #7 em: 25 de Janeiro de 2018, 18:29 »
Usei durante uns tempos, a principal utilidade parece-me ser a view da breadboard para quando se quer documentar ou mostrar o que se está a fazer, o facto de permitir puxar os fios para o lado fazendo uma "curva" 3d está bem esgalhado.
Da última vez que usei tinha alguns problemas bem manhosos, nem pensar rodar uma resistência, deixava de acertar nos buracos da breadboard e não se conseguia ligar a nada.
Pelo que leio na mail list do forum não será grande ideia mandar pcb feitos com aquilo para fabricação, ainda esta semana li alguém a queixar-se que o espaçamento já não sei de que estava errado e tinha um monte de placas para deitar fora.

Experimentei usar o Eagle, mas aquilo é complicado para um principiante, mas bem mais fácil que o KiCad.

Atualmente estou a usar o EasyEDA (online) e até já mandei fazer 3 pcbs (relativamente inúteis) e vieram todos perfeitos a um preço irrisório. É facil de usar mas também tem os seus problemas, por exemplo, é diabolicamente difícil alterar o silkscreen de um componente.

O GRANDE problema que tenho em todos eles é encontrar o componente certo. Há uma serie deles que parecem mesmo ser o que queremos e afinal nem por isso.
 
E depois uns falam em mm outros em polegadas e outros em "mil" que aparentemente nem sempre são milésimos de polegadas. :-(
Stupid men are often capable of things the clever wouldn't dare to contemplate.

Offline LVirtual

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 472
  • http://www.s-tronika.com
    • S-Tronika - Serviços Técnicos de Electrónica
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #8 em: 25 de Janeiro de 2018, 18:57 »
... o próprio esquema com linhas directas pino a pino fica um nojo que não se entende. Quando vejo um pedido de ajuda com um desses diagramas penso "boa sorte!" e sigo em frente.

As linhas directas no doc do esquema sao a net list. Para ficar perceptivel e com boa cara, é preciso desenhar as ligaçoes todas á mao ou primeiro com o
autorouter que tambem funciona no esquema. corrigindo o resto feito pelo autorouter fica bastante apresentavel em termos visuais e perceptiveis.
e ainda dá para exportar para outros formatos reconheciveis por outros programas para se fazer algo mais elaborado.
"O defeito mais grave dos humanos, aquele que coloca mais obstáculos à sua evolução, é a crença profundamente arreigada na infalibilidade dos seus raciocínios e dos seus pontos de vista."

Offline samc

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 438
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #9 em: 26 de Janeiro de 2018, 10:35 »
A filosofia de desenvolvimento do programa sempre me pareceu virada para a educação e nesse aspeto acho que está uma excelente aplicação para esse âmbito. A curva de aprendizagem é muito baixa e o funcionamento mais se parece com um qualquer software de desenho vetorial do que com um EDA.
Por exemplo, quando utilizei esse programa pela primeira vez consegui logo criar um esquema e uma PCB sem dificuldade porque tudo é muito intuitivo e utiliza uma forma de manipular os blocos/componentes como um programa de desenho vetorial (botão direito, clicar e arrastar, etc.). Quando estive no final do ano passado a tentar aprender KiCAD e migrar do eagle, só consegui lá ir após perder mais de uma hora a ler os tutoriais no site oficial.

Para quem quiser apresentar uns esquemas numa breadboard com um qualquer projeto com um arduino, acho que não encontra ferramenta melhor para desenhar rapidamente o diagrama e tirar uns screenshots para publicar.
Agora quem quiser levar as coisas mais a sério como produzir PCBs com mais atenção ao footprint dos componentes e com outros detalhes mais profissionais, mais vale gastar mais umas horas e começar a aprender a utilizar o KiCAD (ainda não me adaptei completamente a filosofia de desenvolvimento do KiCAD que é um pouco diferente do Eagle mas já não vou voltar mais ao Eagle)

Offline Njay

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 3.364
    • Tróniquices
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #10 em: 26 de Janeiro de 2018, 11:16 »
A filosofia de desenvolvimento do programa sempre me pareceu virada para a educação e nesse aspeto acho que está uma excelente aplicação para esse âmbito. A curva de aprendizagem é muito baixa e o funcionamento mais se parece com um qualquer software de desenho vetorial do que com um EDA.
Por exemplo, quando utilizei esse programa pela primeira vez consegui logo criar um esquema e uma PCB sem dificuldade porque tudo é muito intuitivo e utiliza uma forma de manipular os blocos/componentes como um programa de desenho vetorial (botão direito, clicar e arrastar, etc.).

Se começaste por fazer um esquema já ias bem orientado.

Citar
Para quem quiser apresentar uns esquemas numa breadboard com um qualquer projeto com um arduino, acho que não encontra ferramenta melhor para desenhar rapidamente o diagrama e tirar uns screenshots para publicar.

Ora isso é que é uma grande asneira. Uma "foto" duma breadboard não serve para apresentar um projecto, a não ser que se tenha 5 anos e o projecto seja ligar um LED a uma pilha.

Offline KammutierSpule

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 1.243
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #11 em: 26 de Janeiro de 2018, 11:18 »
Quando estive no final do ano passado a tentar aprender KiCAD e migrar do eagle, só consegui lá ir após perder mais de uma hora a ler os tutoriais no site oficial.

1 hora de aprendizagem é bom :)
Para referencia, numa empresas que trabalhei de hardware, quem entrava na empresa para desenhar esquemas / pcbs passava cerca de 2 semanas a ver vídeos e tutorials do Altium.

Agora quem quiser levar as coisas mais a sério como produzir PCBs com mais atenção ao footprint dos componentes e com outros detalhes mais profissionais, mais vale gastar mais umas horas e começar a aprender a utilizar o KiCAD (ainda não me adaptei completamente a filosofia de desenvolvimento do KiCAD que é um pouco diferente do Eagle mas já não vou voltar mais ao Eagle)

:+1: Dedo para cima

Offline senso

  • Global Moderator
  • Mini Robot
  • *****
  • Mensagens: 9.562
  • Helpdesk do sitio
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #12 em: 26 de Janeiro de 2018, 11:45 »
Fritzing:



Investe o teu tempo livre a aprender a usar Kicad, Eagle parou no século passado e com sendo limitado, acaba por ser uma perca de tempo..
Avr fanboy

Offline vasco

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 281
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #13 em: 26 de Janeiro de 2018, 12:03 »
Investe o teu tempo livre a aprender a usar Kicad, Eagle parou no século passado e com sendo limitado, acaba por ser uma perca de tempo..

Achei o Kicad bem mais difícil que o eagle. No entanto para o nível de coisas que eu faço ambos são overkill.
O que eu gostava realmente de ver era uma maneira decente de selecionar os componentes e os respetivos footprints.

Não posso concordar com o Njay relativamente à inutilidade do boneco de uma breadboard, e nisso o Fritzing é provavelmente um dos melhores. Tudo depende das situações e também um bocado do bom senso de quem está a desenhar a coisa, o esquema é sempre essencial.
Stupid men are often capable of things the clever wouldn't dare to contemplate.

Offline samc

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 438
Re: Plataforma Fritzing
« Responder #14 em: 26 de Janeiro de 2018, 12:24 »
Ora isso é que é uma grande asneira. Uma "foto" duma breadboard não serve para apresentar um projecto, a não ser que se tenha 5 anos e o projecto seja ligar um LED a uma pilha.

Não me parece uma grande asneira se o objetivo for apresentar um projeto no âmbito mais educativo como eu falava acima. Há que saber separar as coisas e não pensar que a electrónica apenas se restringe a uma utilização mais profissional e por pessoas com formação superior.
Para a criança ou adulto que quer brincar um bocado num fim de semana e ligar uns sensores a uma devboard arduino, consegue entender mais um esquema numa breadboard (que se aproxima mais da vida real com uma representação física dos componentes) do que com um esquema “praticamente monocromático” e já com uma camada de abstração maior.
Experimenta a tentar desenhar um esquema simplificado no adobe illustrator ou noutro software de desenho e depois a fazer a mesma tarefa no fritzing e vês logo o tempo que se poupa e a qualidade do resultado final.


Há uns anos andei a tentar usar o circuitmaker da Altium porque estava interessado na visualização 3D, mas depois tomei a decisão de apenas concentrar me na aprendizagem de um único  software. Ainda tenho vários projetos antigos desenhados no eagle, mas se algum dia voltar a precisar deles vou tentar os exportar para o KiCAD que passou a ser o software que uso exclusivamente. Motivos:
100% gratuito incluindo para uso comercial
Mais funcionalidades do que eu alguma vez vou saber ou precisar de usar
Visualização 3D fácil de utilizar
Multi plataforma
Comunidade grande
Muito material de apoio disponível para ensinar um novo utilizador (como já tinha algumas bases do eagle e precisava de desenhar uma PCB simples - praticamente uma breakout board single layer - consegui produzir alguns resultados após uma hora mas sei que para dominar aquilo minimamente iria precisar de investir bastantes semanas a estudar e praticar)

« Última modificação: 26 de Janeiro de 2018, 12:26 por samc »