collapse

* Posts Recentes

Do I have - APP Android para gestão simplificada de inventário pessoal por Njay
[Ontem às 18:06]


Lojas Portuguesas de Eletrónica por thx1011
[23 de Maio de 2020, 20:19]


RF e Micro-ondas – Sequência de bons livros gratuitos por thx1011
[23 de Maio de 2020, 19:53]


SD Card Corrompido por senso
[20 de Maio de 2020, 10:13]


Impressora 3D por jm_araujo
[19 de Maio de 2020, 22:24]


sensor impacto por Hugu
[19 de Maio de 2020, 16:12]


Baterias Lipo Potentes por jm_araujo
[17 de Maio de 2020, 16:01]


Como funciona um OpAmp com construção usando componentes discretos. por blabla
[15 de Maio de 2020, 01:12]


BostonDynamics - Vai uma mãozinha? por almamater
[11 de Maio de 2020, 20:52]


Ajuda, escolha fonte alimentação para CCTV por senso
[09 de Maio de 2020, 19:22]

Autor Tópico: EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?  (Lida 608 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline SerraCabo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 873
    • Serra Cabo
EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?
« em: 13 de Março de 2020, 13:30 »
O monstro das bolachas começou por cortar o acesso aos armazenistas locais ("o NIF não é de empresa"). Se isto não tivesse acontecido eu diria que não é para catrafilar quem tem a lata de ter uma ideia.

Citar
The $2 electronic module now has not only a 20% tax added to it, but an extra ten dollars or so just for the privilege of being told that you owe them 40 cents. The days of easy access to the world of imported electronics could be over,

https://hackaday.com/2020/03/10/eu-duty-changes-a-whole-vat-of-trouble-for-hackers/

Offline senso

  • Global Moderator
  • Mini Robot
  • *****
  • Mensagens: 9.681
  • Helpdesk do sitio
Re: EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?
« Responder #1 em: 13 de Março de 2020, 13:56 »
Nada de novo basicamente..
Já pago alfandega de tudo nem que sejam encomendas de 5€ desde que fui marcado por algum agente que achava que tinha algum negócio paralelo de importações..

E pagar absurdos a transportadoras é mais velho que a Sé de Braga, Rangel a pedir 60€ por custos administrativos é prática com mais de uma década..

Se vier por correio tratado pelos CTT/equivalente de cada pais, é só adicionar o IVA e pronto.
Avr fanboy

Offline jm_araujo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 2.622
  • NERD!
Re: EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?
« Responder #2 em: 13 de Março de 2020, 14:17 »
A mim parece-me que até vai ser vantajoso, a acreditar neste comentário:
Citar
Bitblade says:
March 10, 2020 at 11:14 am
Sadly, this article mostly shows two properties I find quite common in people from the UK: the innate lack of knowledge about the EU as well as the persistent urge to dramatize pretty much everything.

Yes, this bill will remove the tax exemption for cheap goods (<22€) and replace it with two options. Either the 'normal' taxing scheme, or the I-OSS procedure: a system where suppliers digitally declare the goods before shipping and collect the taxes. The parcel will then be (digitally) marked as tax exempt and will not even have to pass customs anymore.

For the purposes of collecting taxes, this bill specifically names the platform collecting the money from the customer as supplier. So AliExpress / Banggood / etc will be the ones having to deal with this, not the 'small Chinese companies' that actually own the product. Also, it states that, again for tax purposes, items will be deemed delivered when the payment is made and the VAT amount will be calculated based on -only- the country the item is shipped to.

So, no, prepaid taxes will not be 'complex' for a platform like AliExpress. In fact, it will make the buying experience much more streamlined and remove the uncertainty caused by local customs. They will have to collect taxes, like they already do for quite a lot of countries. Those taxes will be calculated by simply comparing the destination country to a digitally provided list of 27 member states, with a percentage next to it.

Ou seja, o vendedor trata do iva, e na alfândega passa a direito, que potêncialmente pode implicar que as encomendas chegam mais depressa!

Offline SerraCabo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 873
    • Serra Cabo
Re: EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?
« Responder #3 em: 14 de Março de 2020, 21:21 »
Mas então por que cortar o acesso aos armazenistas europeus a quem não tem o NIF apropriado?

Por outro lado, suspeito que a China não estará muito empenhada em cobrar impostos para os outros.

SC


Offline senso

  • Global Moderator
  • Mini Robot
  • *****
  • Mensagens: 9.681
  • Helpdesk do sitio
Re: EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?
« Responder #4 em: 14 de Março de 2020, 21:27 »
Como é que são lojas legais sem NIF de empresa?..

A China só lhes interessa facilitar o processo de venda, quanto mais fácil for para nós comprarmos, melhor para eles..
Avr fanboy

Offline SerraCabo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 873
    • Serra Cabo
Re: EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?
« Responder #5 em: 15 de Março de 2020, 13:16 »
Se eu tentar mandar vir algo da Farnell (Espanha) não posso porque o meu NIF não serve. Da RS (Inglaterra) é igual. Já tentei mais uns quantos na europa e dizem o mesmo. Tenho histórico de encomendas com o meu NIF mas a partir de determinada altura, deixei de poder comprar.

SC

Offline senso

  • Global Moderator
  • Mini Robot
  • *****
  • Mensagens: 9.681
  • Helpdesk do sitio
Re: EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?
« Responder #6 em: 15 de Março de 2020, 23:47 »
Funcionam muito virados para empresas, até oferecem pagamento a 30 dias por defeito.

Tens sempre a TME, e a Mouser de 50€ para cima não pagas nada, e a Digikey penso que já faz o mesmo.

E agora podes sempre recorrer á LCSC, preços estupidamente baixos.
Avr fanboy

Offline Njay

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 3.506
    • Tróniquices
Re: EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?
« Responder #7 em: 20 de Março de 2020, 17:21 »
Se eu tentar mandar vir algo da Farnell (Espanha) não posso porque o meu NIF não serve. Da RS (Inglaterra) é igual. Já tentei mais uns quantos na europa e dizem o mesmo. Tenho histórico de encomendas com o meu NIF mas a partir de determinada altura, deixei de poder comprar.

A Farnell sempre vendeu apenas a retalhistas/empresas, ou a sujeitos passivos de IVA, penso que tem a ver com a sua "actividade oficial" (por exemplo grossistas não podem vender a clientes finais, tanto quanto sei). Deduzo que o teu NIF não serve porque não está autorizado a efectuar transacções intra-comunitárias, coisa que quem tem uma actividade também tem que activar (é uma "checkbox") para comprar na Farnell - há um site onde se pode ir para saber se determinado NIF pode fazer isso.
Há uma ou 2 empresas em PT através das quais se podem comprar coisas na Farnell.
Há também a RS.

Offline Njay

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 3.506
    • Tróniquices
Re: EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?
« Responder #8 em: 20 de Março de 2020, 17:23 »
Se vier por correio tratado pelos CTT/equivalente de cada pais, é só adicionar o IVA e pronto.

Os CTT cobravam 3€ por esse serviço (que depois ainda leva IVA). A certa altura (penso que quando foram privatizados) passaram a cobrar 12€.

Offline SerraCabo

  • Mini Robot
  • *
  • Mensagens: 873
    • Serra Cabo
Re: EU Duty Changes, A Whole VAT Of Trouble For Hackers?
« Responder #9 em: 21 de Março de 2020, 20:24 »

A Farnell sempre vendeu apenas a retalhistas/empresas, ou a sujeitos passivos de IVA, penso que tem a ver com a sua "actividade oficial" (por exemplo grossistas não podem vender a clientes finais, tanto quanto sei).

Não não. Há já alguns anos que nada encomendava, mas fiz uma boa dúzia de encomendas com o meu NIF pessoal (não tinha outro) há mais tempo.

SC